Em Mogi das Cruzes, cinemas e teatros poderão retomar as atividades na segunda

PUBLICIDADE

Com a permanência do Alto Tietê na fase 3 (amarela) do Plano São Paulo, conforme anúncio do governador João Doria nesta sexta-feira (7), o setor de eventos, convenções e atividades culturais de Mogi das Cruzes poderá retomar as atividades a partir da próxima segunda-feira (10). A cidade completou 28 dias na atual fase, o que possibilita o funcionamento de estabelecimentos do setor.

De acordo com a administração municipal, o Comitê Gestor da Retomada Gradativa das Atividades Econômicas da Prefeitura de Mogi das Cruzes realizou reuniões com empresários do setor, que deverão respeitar o regramento e os protocolos previstos na retomada.

As videoconferências, que também contaram com a participação da Câmara Municipal, foram divididas no setor de buffets e organizadores de festas e os representantes de auditórios da cidade. “O objetivo destas reuniões com os diferentes setores da economia da cidade como sempre temos dito, não é antecipar as medidas, mas fazer com que a curva de aprendizado sobre o regramento desse novo normal seja crescente entre os empresários, colaboradores e clientes”, explicou o vice-prefeito Juliano Abe, responsável pelo Comitê.

PUBLICIDADE

O setor de eventos, convenções e atividades culturais (museus, cinemas, teatros, galerias de arte, acervos, eventos de cultura e entretenimento) poderá funcionar por até seis horas diárias, com capacidade de 40%, controle de acesso, assentos marcados previamente, distanciamento de 1,5 m e vedação de atividades com público em pé. O setor terá um protocolo sanitário próprio, que reunirá os itens do protocolo intersetorial, do documento destinado a bares, restaurantes e lanchonetes, assim como do protocolo fornecido pela ADIBRA (Associação das Empresas de Parques de Diversões do Brasil).

De acordo com a Prefeitura, uma demanda do setor de buffet foi quanto às questões contratuais e a relação entre empresas e seus clientes. A administração municipal afirmou que as dúvidas serão apontadas em uma reunião com o Procon da Prefeitura de Mogi das Cruzes para orientações na próxima semana.

PUBLICIDADE

Atividades com plateia

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo comunica que, apesar da autorização para a retomada das atividades culturais, não há expectativa de retomada imediata das atividades com plateia em espaços culturais públicos da cidade.

A Secretaria vem mantendo diálogo permanente com os agentes culturais da cidade e pôde concluir que não há demanda por parte da classe artística pela retomada de pronto. “Entramos em contato com todos que tinham data agendada no Theatro Vasques e também com quem ainda aguardava por datas. Ligamos individualmente para cada um e todos declararam que preferem esperar”, explica o secretário municipal de Cultura e Turismo, Mateus Sartori.

Sartori acrescenta que muitos dos espetáculos agendados eram de escolas infantis de música e dança e que os pais, a princípio, declararam que preferem manter as crianças em ambiente doméstico.

Diante disso, a Secretaria de Cultura definiu que, após a retomada das atividades, será feito primeiramente o reagendamento e adequação de todos aqueles que já tinham data e precisaram suspender os espetáculos, em função da pandemia. Na sequência, serão feitos novos agendamentos.

Também por isso, foi feita a suspensão dos editais de ocupação de espaços como Theatro Vasques e Sala Wilma Ramos, que estavam abertos no início deste ano e se referiam à ocupação dos dois locais no final deste ano e também começo de 2021.

Confira as últimas notícias sobre a quarentena em Mogi das Cruzes e Região

Deixe um comentário

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais