BRASIL

Varíola do Macaco: Brasil chega a 17 casos confirmados da doença; veja sintomas

Na última sexta-feira (24) foram confirmados mais três novos casos da Varíola do Macaco no Brasil, sendo dois no estado do Rio de Janeiro e outro no estado de São Paulo, confirmados pelos laboratórios da Fiocruz-RJ e Adolf Lutz em São Paulo.

Com isto, o país chega a 17 casos confirmados de Monkeypox, sendo 11 em São Paulo, dois no Rio Grande do Sul e quatro no Rio de Janeiro. Além disso, outros 10 casos seguem em investigação.

Cinco dos casos de Varíola do Macaco no Brasil – dois no Rio de Janeiro e três em São Paulo – foram identificados como transmissão local. Já o caso de São Paulo notificado na sexta-feira trata-se de com histórico de viagem para a Europa. O paciente é do sexo masculino, 29 anos, residente na capital paulista. De acordo com Ministério da Saúde, o caso registrado apresenta quadro clínico estável e sem complicações.

O Ministério da Saúde recebeu na quinta-feira (23) a notificação de três casos de Varíola do Macaco no estado de São Paulo, de três pacientes do sexo masculino, residentes na capital paulista, com idade entre 24 e 37 anos, sem histórico de viagem para países com casos confirmados. Os casos ainda estão em investigação para a busca de vínculos de transmissão. Os pacientes se encontram isolados, com quadro clínico estável, sem complicações e sendo monitorados pelas Secretarias de Saúde do Estado e do município.

Varíola do Macaco: sintomas

Os primeiros sintomas da Varíola do Macaco podem ser febre, dor de cabeça, dores musculares e nas costas, linfonodos inchados, calafrios ou cansaço. De 1 a 3 dias após o início desses sintomas, as pessoas desenvolvem lesões de pele que podem estar localizadas em mãos, boca, pés, peito, rosto e ou regiões genitais.

Varíola do Macaco: como se prevenir

  • Evitar contato próximo/íntimo com a pessoa doente até que todas as feridas tenham cicatrizado;
  • Evitar o contato com qualquer material, como roupas de cama, que tenha sido utilizado pela pessoa doente.
  • Higienização das mãos, lavando-as com água e sabão e/ou uso de álcool gel.

*com informações da Agência Brasil

Essa notícia foi atualizada em 27 de junho de 2022 10:20

Compartilhar
Tudo sobre: Varíola do Macaco
Redação

E-mail: contato@noticiasdemogi.com.br