BRASIL

Auxílio Brasil: consulte no calendário quem vai receber algum valor esta semana

A Caixa Econômica Federal prossegue, esta semana, com os pagamentos da parcela de novembro do Auxílio Brasil, cujos depósitos tiveram início na última quarta-feira (17). O programa substitui o antigo Bolsa Família e coincide também com o fim do auxílio emergencial.

Na última semana, os pagamentos foram realizados a beneficiários com NIS (Número de Identificação Social) terminado em 1, 2 e 3. Já entre esta segunda e sexta, receberão o Auxílio Brasil aqueles que possuem NIS com final entre 4 e 8. Na semana que vem será a vez dos que têm NIS terminado em 9 e 0.

Confira abaixo o calendário do Auxílio Brasil em 2021:

Novembro

  • Nº 1: 17/nov
  • Nº 2: 18/nov
  • Nº 3: 19/nov
  • Nº 4: 22/nov
  • Nº 5: 23/nov
  • Nº 6: 24/nov
  • Nº 7: 25/nov
  • Nº 8: 26/nov
  • Nº 9: 29/nov
  • Nº 0: 30/nov

Dezembro

  • Nº 1: 10/dez
  • Nº 2: 13/dez
  • Nº 3: 14/dez
  • Nº 4: 15/dez
  • Nº 5: 16/dez
  • Nº 6: 17/dez
  • Nº 7: 20/dez
  • Nº 8: 21/dez
  • Nº 9: 22/dez
  • Nº 0: 23/dez

Qual o valor do Auxílio Brasil?

O valor médio do benefício neste mês de novembro é de R$ 217,18. O aumento para R$ 400 a partir de dezembro, conforme prometido pelo governo federal, depende da aprovação da PEC dos Precatórios, que permite o parcelamento de precatórios por até dez anos e muda o cálculo do teto de gastos – caso aprovada, a proposta abre um espaço de R$ 91,5 bilhões no teto para 2022, dos quais cerca de R$ 50 bilhões serão usados para bancar a elevação do valor do Auxílio Brasil.

Auxílio Brasil: liberada consulta ao cadastro e valor do novo Bolsa Família

Como sacar o Auxílio Brasil

O recebimento dos valores pode ser feito através da Conta Poupança Social Digital que é uma poupança simplificada aberta automaticamente em nome dos responsáveis pela família, sem necessidade de solicitação ou comparecimento a uma agência da CAIXA. A conta pode ser acessada pelo aplicativo CAIXA Tem para realizar compras com o cartão de débito virtual, pagamento de boletos, contas de água, luz e telefone, fazer transferências, saques sem cartão nos caixas eletrônicos e nas lotéricas.

O beneficiário do Auxílio Brasil também pode utilizar o Cartão Social para saque da conta Poupança Social Digital nos terminais de autoatendimento ou nas unidades lotéricas.

Outra opção é receber através da Poupança CAIXA Fácil é uma conta simplificada, com limite de saldo e movimentação mensal de R$ 3.000,00. A conta tem um cartão magnético que possibilita compras, depósitos, saldos, transferências e muito mais. Além disso, a conta Poupança CAIXA Fácil pode ser movimentada por meio do Internet Banking CAIXA. Essa conta não poder ser movimentada com o Cartão Bolsa Família/Auxílio Brasil, nem pelo CAIXA Tem.

Quem tem direito ao Auxílio Brasil?

​Podem participar do programa as famílias com renda familiar per capita de zero a R$ 100,00 e que sejam compostas por gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

Para se candidatar ao Programa é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha atualizado seus dados cadastrais nos últimos dois anos. Caso atenda aos requisitos de renda e não esteja inscrito, procure o responsável pelo Programa Auxílio Brasil na prefeitura de sua cidade para realizar o cadastramento no Cadastro Único. É importante manter os dados sempre atualizados, informando à prefeitura qualquer mudança de endereço, telefone de contato e composição da sua família, como: nascimento, morte, casamento, separação e adoção.

Auxílio Brasil: saiba o que fazer para receber o benefício

O cadastramento é um pré-requisito, mas não implica a entrada imediata da família no Programa. Mensalmente, o Ministério da Cidadania seleciona, de forma automatizada, as famílias que serão incluídas para receber o benefício.

De acordo com o ministério, todos os beneficiários do antigo Bolsa Família foram automaticamente cadastrados no Auxílio Brasil.

Consulta Auxílio Brasil

O beneficiário pode consultar informações sobre as datas de pagamento, o valor do benefício e a composição das parcelas em dois aplicativos: o novo aplicativo Auxílio Brasil, desenvolvido para o programa social, e o aplicativo Caixa Tem, usado para acompanhar as contas poupança digitais do banco e realizar o pagamento do auxílio emergencial.

Siga nossa página no Google News e receba mais notícias sobre benefícios sociais

Essa notícia foi atualizada em 22 de novembro de 2021 15:10

Compartilhar
Tudo sobre: Auxílio Brasil
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online