BRASIL

Auxílio Brasil: saiba o que fazer para receber o benefício

O Auxílio Brasil, programa criado pelo governo federal para substituir o Bolsa Família, teve seu calendário de pagamentos iniciado esta semana, contemplando famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o país.

Os cidadão selecionados para participar do programa pelo Ministério da Cidadania, receberão seus benefícios através da Caixa Econômica Federal, instituição que ficou responsável por realizar os pagamentos e disponibilizar de canais para atendimento aos beneficiários que tenham dúvidas sobre o saque do benefício.

​Podem participar do programa as famílias com renda familiar per capita de zero a R$ 100,00 e que sejam compostas por gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

Para se candidatar ao Programa é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha atualizado seus dados cadastrais nos últimos dois anos. Caso atenda aos requisitos de renda e não esteja inscrito, procure o responsável pelo Programa Auxílio Brasil na prefeitura de sua cidade para realizar o cadastramento no Cadastro Único. É importante manter os dados sempre atualizados, informando à prefeitura qualquer mudança de endereço, telefone de contato e composição da sua família, como: nascimento, morte, casamento, separação e adoção.

O cadastramento é um pré-requisito, mas não implica a entrada imediata da família no Programa. Mensalmente, o Ministério da Cidadania seleciona, de forma automatizada, as famílias que serão incluídas para receber o benefício.

O que fazer para receber o Auxílio Brasil

  1. Cadastramento​: Se sua família se encaixa em uma das faixas de renda definidas pelo Programa, procure o setor responsável pelo Auxílio Brasil no seu município. É necessária a apresentação do documento de identificação para fazer parte do Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal. Caso faça parte do Cadastro Único, é necessário que seus dados estejam atualizados.
  2. Seleção​​: A seleção das famílias é feita pelo Ministério da Cidadania com base nos dados inseridos pelas prefeituras no Cadastro Único. Esse processo é realizado mensalmente considerando a composição familiar e a renda de cada integrante.
  3. Pagamento: ​Após a seleção realizada pelo Ministério da Cidadania, será concedida parcela do Programa Auxílio Brasil. As parcelas são disponibilizadas mensalmente, conforme calendário de pagamento.

Requisitos

  • Estar cadastrada, pela prefeitura, no Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal;
  • Ser selecionada pelo Ministério da Cidadania;
  • Estar em situação de pobreza ou de extrema pobreza. Para as famílias em situação de pobreza é necessário que apresentem, em sua composição, gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes ou jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

Para a manutenção do benefício será necessário que o cidadão faça a Realização do pré-natal, o acompanhamento do calendário nacional de vacinação e o acompanhamento do estado nutricional, tenha a frequência escolar mínima definida em regulamento e matrícula em estabelecimento de ensino regular para jovens entre 18 a 21 anos.

Calendário do Auxílio Brasil 2021

Novembro

  • Nº 1: 17/nov
  • Nº 2: 18/nov
  • Nº 3: 19/nov
  • Nº 4: 22/nov
  • Nº 5: 23/nov
  • Nº 6: 24/nov
  • Nº 7: 25/nov
  • Nº 8: 26/nov
  • Nº 9: 29/nov
  • Nº 0: 30/nov

Dezembro

  • Nº 1: 10/dez
  • Nº 2: 13/dez
  • Nº 3: 14/dez
  • Nº 4: 15/dez
  • Nº 5: 16/dez
  • Nº 6: 17/dez
  • Nº 7: 20/dez
  • Nº 8: 21/dez
  • Nº 9: 22/dez
  • Nº 0: 23/dez

Como sacar o Auxílio Brasil

O recebimento dos valores pode ser feito através da Conta Poupança Social Digital que é uma poupança simplificada aberta automaticamente em nome dos responsáveis pela família, sem necessidade de solicitação ou comparecimento a uma agência da CAIXA. A conta pode ser acessada pelo aplicativo CAIXA Tem para realizar compras com o cartão de débito virtual, pagamento de boletos, contas de água, luz e telefone, fazer transferências, saques sem cartão nos caixas eletrônicos e nas lotéricas.

O beneficiário do Auxílio Brasil também pode utilizar o Cartão Social para saque da conta Poupança Social Digital nos terminais de autoatendimento ou nas unidades lotéricas.

Outra opção é receber através da Poupança CAIXA Fácil é uma conta simplificada, com limite de saldo e movimentação mensal de R$ 3.000,00. A conta tem um cartão magnético que possibilita compras, depósitos, saldos, transferências e muito mais. Além disso, a conta Poupança CAIXA Fácil pode ser movimentada por meio do Internet Banking CAIXA. Essa conta não poder ser movimentada com o Cartão Bolsa Família/Auxílio Brasil, nem pelo CAIXA Tem.

Receba mais notícias sobre benefícios sociais entrando em nosso Grupo no Facebook ou Canal no Telegram

Essa notícia foi atualizada em 22 de novembro de 2021 15:11

Compartilhar
Tudo sobre: Auxílio Brasil
Redação

E-mail: contato@noticiasdemogi.com.br