MOGI DAS CRUZES

Vereadores de Mogi querem anistia a estabelecimentos multados na quarentena

Foi aprovada, na sessão ordinária da Câmara de Mogi das Cruzes de terça-feira (20), a Moção 56/2021, que faz um apelo aos Governos Municipal, Estadual e Federal para que anistiem as multas administrativas aplicadas aos estabelecimentos comerciais durante o período da quarentena contra a pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

A moção é de autoria da Comissão Permanente de Indústria, Comércio e Direito do Consumidor, composta pelos vereadores Clodoaldo Moraes (PL), Zé Luiz (PSDB), Pedro Komura (PSDB), Mauro do Salão (PL) e Vitor Emori (PL).

“O comércio e o segmento de serviços foram fortemente impactados. Em Mogi das Cruzes a paralisação dos serviços já faz com que comerciantes e empresários calculem o prejuízo, ao mesmo tempo em que pedem ao poder público políticas de auxílio ao setor para que não venham encerrar suas atividades”, disse Clodoaldo Moraes.

No documento apresentado ao Plenário os vereadores argumentaram que existem diversos comércios da cidade que estão falindo e demitindo funcionário. Situação que, de acordo com os parlamentares, não é benéfica para a economia da cidade e prejudica os cidadãos mogianos de maneira geral.

Essa notícia foi atualizada em 22 de abril de 2021 09:23

Compartilhar

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais