Vereador Pastor Evaristo é condenado por superfaturamento em compra de café

CIDADE PRIORIDADE

O vereador de Mogi das Cruzes Pastor Carlos Evaristo (PSD) foi condenado pela Justiça em uma ação de improbidade administrativa por compra supostamente superfaturada de mais de duas toneladas de café. O caso teria ocorrido em 2017, época em que o parlamentar presidia a Câmara Municipal.

De acordo com o juiz Bruno Machado Miano, da Vara da Fazenda Pública de Mogi, o vereador terá que realizar o ressarcimento integral do dano, estimado em R$ 25.200. Além disso, após o trânsito em julgado, o Pastor Evaristo perderá sua função pública, terá seus direitos políticos suspensos por cinco anos, deverá pagar multa de R$ 50.400 e ainda ficará proibido de contratar com o poder público.

Ainda segundo o juiz, que isentou de responsabilidade a empresa contratada, “a Lei de Improbidade Administrativa não pune apenas o dolo, a intenção de lesar os cofres públicos ou de violar os princípios administrativos. Pune, também, o gestor inepto, que por meio de um erro crasso, demonstra sua incapacidade e causa um prejuízo ao erário. Sim, pois tão maléfica quanto a corrupção é a incompetência”.

Em nota publicada em suas redes sociais, o vereador Pastor Evaristo disse: “tenho meu nome limpo e sempre me empenhei para administrar os recursos públicos com zelo e diligência, atendendo a todas as recomendações legais e determinações emitidas pelos órgãos de fiscalização. Confiei nos setores técnicos do Legislativo, que me assessoraram em todos os procedimentos internos e devolvi aos cofres públicos, na minha gestão, R$ 1.146.344,46, provenientes de economias. Portanto, seria um contra-senso eu ter administrado R$ 31 milhões, inclusive economizado e devolvido mais de R$ 1 milhão de reais em dinheiro público, e manchar minha honra em R$ 25 mil”.

A nota divulgada pelo parlamentar informa, ainda, que ele vai recorrer da decisão proferida pelo juiz.

Entre em nossos Grupos de WhatsApp ou em nosso Canal no Telegram e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região



Deixe um comentário:
Os comentários não representam a opinião do Notícias de Mogi e são de responsabilidade do autor da mensagem. Conteúdos com palavrões serão excluídos.

4 comentários em “Vereador Pastor Evaristo é condenado por superfaturamento em compra de café

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *