Categorias
BRASIL

Veja como atualizar o Cadastro Único e não deixar de receber Bolsa Família e outros benefícios



Estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) é o principal requisito para ter chances de ser incluído na lista de participantes do Bolsa Família, programa de renda básica do governo federal.



Para quem já recebe o Bolsa Família ou outros benefícios, como o BPC (Benefício de Prestação Continuada), é importante manter os dados cadastrais atualizados, se não quiser correr o risco de ser excluído da lista de beneficiários do programa.

Siga nosso Canal no WhatsApp e receba notícias de Empréstimo e Benefícios no seu celular!

Todos os meses, o governo realiza um pente-fino para identificar quem está recebendo o benefício indevidamente e um dos fatores analisados é a atualização dos dados de cadastro da família.



A recomendação é de que a atualização do CadÚnico seja feita, no máximo, a cada dois anos, pelo responsável familiar.



Mudanças de endereço e novos membros da família, por exemplo, devem ser comunicados ao governo federal, por meio de atualização presencial, no CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) ou órgão outro responsável.

Já para atualizar dados mais simples, é possível utilizar o aplicativo do Cadastro Único. Confira o passo-a-passo a seguir:

Como atualizar o CadÚnico

  1. Para realizar a atualização, é necessário baixar o aplicativo do órgão, que é disponível gratuitamente para Android e iOS.
  2. Em seguida, faça o login com o número do CPF e a senha da conta gov.br. Se você não lembra a senha, solicite a recuperação e cadastre uma nova.
  3. Depois de estar logado, busque o botão “Atualização cadastral por confirmação” e siga as instruções que aparecem na tela.

Quem tiver dúvidas pode ligar no telefone 0800 707 2003 e se informar a respeito do seu cadastro. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h.

Para receber mais notícias sobre finanças e benefícios sociais, entre em nossos canais no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia: