ALTO TIETÊ

Secretário Estadual de Saúde se compromete com demandas do Alto Tietê

O secretário de Estado de Saúde, Jean Gorinchteyn, participou, na manhã de terça-feira (25), de uma reunião do Conselho de Prefeitos do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê), com a presença da Câmara Técnica de Saúde, em Guarulhos. Durante o encontro, o secretário acolheu as demandas prioritárias da saúde regional e se comprometeu a estudar os pedidos em conjunto com a equipe técnica.

Além de reforçar os pedidos de apoio no enfrentamento da pandemia, incluindo mais leitos hospitalares, os prefeitos e técnicos solicitaram a reavaliação da oferta de procedimentos de Traumatologia e Ortopedia, o aumento dos serviços de Hemodiálise e a ampliação das consultas e exames em diversas especialidades.

“Muitos destes gargalos enfrentados na saúde vêm do período anterior à pandemia e agora estão ainda mais latentes. São demandas que requerem atenção do Estado, pois têm gerado grandes dificuldades para gestores municipais”, ressaltou o presidente do Condemat e prefeito de Guarulhos, Guti.

O funcionamento do Hospital das Clínicas de Suzano de portas abertas para a população no primeiro semestre deste ano e a ampliação dos serviços e atendimentos no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos também foram temas tratados.

Gorinchteyn afirmou que a abertura do HC deve acontecer em breve. “Depois de toda a fase documental e de ajustes internos, eles iniciaram o processo de contratação e a previsão é de abrirmos o hospital nos próximos meses”, disse ele, acrescentando que o Hospital das Clínicas de Suzano deverá ser um Hospital Escola, por meio de parceria com a Universidade de São Paulo (USP).

Após ouvir as solicitações dos prefeitos, o secretário solicitou um detalhamento das demandas de cada município para dar encaminhamento com a equipe técnica.

Segundo Gorinchteyn, neste momento, a prioridade está no monitoramento dos dados da pandemia. “Teremos nas próximas semanas uma elevação no número de casos de Covid-19. Estamos monitorando esta situação em conjunto com o Comitê Científico para adotarmos as medidas necessárias para conter o avanço da doença”, disse ele, se comprometendo ainda a avaliar com a equipe técnica a abertura de parte dos leitos já pactuados nos hospitais de gestão estadual da região que vêm registrando altas taxas de ocupação.

Também participaram da reunião o deputado estadual Jorge Wilson; os prefeitos Luís Camargo (Arujá), Priscila Gambale (Ferraz de Vasconcelos), Vanderlon Gomes (Salesópolis) e Rodrigo Ashiuchi (Suzano); os vice-prefeitos Jesus Roque (Guarulhos), Priscila Yamagami (Mogi das Cruzes), Geraldo Oliveira (Poá) e Teresinha Pedroso (Santa Isabel) e secretários e técnicos de saúde da região.

Essa notícia foi atualizada em 26 de janeiro de 2022 08:48

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP