Categorias
POLÍCIA

Polícia Civil de Mogi esclarece latrocínio ocorrido em Suzano em agosto



A Polícia Civil, através do Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) de Mogi das Cruzes, esclareceu um latrocínio (roubo seguido de morte) ocorrido em Suzano no mês de agosto. Um indivíduo foi detido e outros três ainda não foram identificados.



O crime aconteceu no dia 14 de agosto, por volta das 22h10. De acordo com a polícia, a vítima (Bruno) estava na rua, conversando, quando um veículo Monza (foto) com quatro indivíduos parou ao seu lado, sendo que três deles desembarcaram e, em posse de armas de fogo, anunciaram o assalto, exigindo pertences pessoais e subtraindo relógio, celular e camisetas.



Ainda segundo a Polícia Civil, em certo momento, Bruno reagiu ao assalto e acabou levando um tiro no tórax. Ele chegou a ser socorrido ao pronto socorro, mas acabou falecendo.



Após o latrocínio, os bandidos fugiram de carro, abandonando o veículo momentos depois e com outras placas, sem queixa de crime. Entretanto, através do chassi, os policiais descobriram que o carro havia sido roubado na cidade de Ferraz de Vasconcelos.



Um trabalho de investigação conduzido pelo SHPP de Mogi das Cruzes, que contou com interceptações telefônicas e vários dias de espionagem, levou à identificação de um suspeito.

Após autorização da 1ª Vara Criminal da Comarca de Suzano, os policiais cumpriram o mandado de prisão temporária e de busca domiciliar, logrando êxito em localizar e deter o acusado.

De acordo com o SHPP, as investigações prosseguem no sentido de identificar e prender os outros três envolvidos no crime.

Para receber mais notícias do Alto Tietê, entre em nossos canais no WhatsApp: Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano

Compartilhe essa notícia: