CULTURA

Centro Cultural de Mogi recebe exposição de artesanatos de cozinha

Até o dia 4 de maio, os mogianos poderão conferir de perto a 11ª Mostra Comemorativa ao Dia do Artesão, que está na Galeria Wanda Coelho Barbieri, no piso térreo do Centro Cultural de Mogi das Cruzes.

Sob o tema “Cozinha Afetiva – panos de prato a acessórios”, a exposição retrata memórias afetivas e hábitos transmitidos entre famílias, a partir de utensílios de cozinha. É possível conhecer diferentes tipos de panos de pratos e acessórios de cozinha, tais como livro de receitas, porta panos de prato, garrafa decorada, caixa de chá, caixa de café, objetos decorativos de parede e de mesa, toalhas, porta guardanapo etc.

Além da exposição, também estão sendo feitos bazares, para que as 37 artesãs participantes da mostra tenham a possibilidade de vender seus produtos. Os próximos serão nos dias 2, 3 e 4 de maio, das 9h às 22h.

Oficinas de artesanato

Serão realizadas, ainda, dez oficinas de artesanato, a partir da próxima terça-feira (23/04). Confira a programação abaixo:

Terça-feira (23/04)

1) Grazielle Mostardi (Bolo fake em biscuit)  – 10h

2) Yukie Nisihama (Mandala de patchwork embutido)  – 14h

Quarta-feira (24/04)

1) Mariah Soares (Porta guardanapo de páscoa) –  10h

2) Olga Mendes (Flâmula decorativa) – quarta-feira – 14h

Quita-feira (25/04)

1) Maria do Carmo Socca (Decoupage em pano de prato) –  10h

2) Sandra Lopes (O chic da garrafa) – quinta-feira – 25/04 – 14h

Sexta-feira (26/04)

1) Ana Carolina Coelho (Porta adoçante em feltro) – 10h

2) Pilar Vilugron (Descanso de panela) – 14h

Sábado (27/04)

1) 9) Alba Nélede ( Forração em caixa de MDF) –  10h

2) Eli Regina Nascimento ( Miniaturas em Biscuit)  – 14h

Centro Cultural de Mogi

O Centro Cultural de Mogi das Cruzes fica na praça Monsenhor Roque Pinto de Barros, 360, no Centro. A exposição é gratuita e recebe visitantes das 9 às 18h.

Mais detalhes podem ser obtidos pelo telefone (11) 4798-6988.

Essa notícia foi atualizada em 19 de abril de 2019 20:42

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP