Vice-prefeito de Arujá é preso por suspeita de desvio de dinheiro

ALTO TIETÊ

A Polícia Civil de Guarulhos prendeu, na manhã desta quinta-feira (30), o vice-prefeito de Arujá, Márcio José de Oliveira (PRB), por suspeita de irregularidades na gestão do município, segundo informações divulgadas pela TV Globo.

Temporária e válida por 30 dias, a prisão faz parte da segunda fase da Operação Soldi Sporchi, que investiga os crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa. Além de Arujá, estão sendo cumpridos mandados em Mogi das Cruzes, Suzano, Poá, Guarulhos, São Paulo, Barueri, Indaiatuba, Itu e Bertioga.

Ainda de acordo com a TV Globo, pelo menos mais cinco pessoas foram presas por indícios de integrarem uma quadrilha que desviava recursos da Saúde de Arujá.

Márcio José de Oliveira é vice-prefeito de Arujá (Foto: Câmara de Arujá)

‘Soldi Sporchi’

A operação, cuja tradução em português significa ‘dinheiro sujo’, teve sua primeira fase deflagrada no dia 3 de junho, quando 12 pessoas foram detidas na capital, Jacareí, Mogi das Cruzes, Arujá e outras cidades da Grande São Paulo.

No total, as atividades em campo levaram à captura de dez homens e duas mulheres e na apreensão de 11 veículos, inclusive modelos de luxo, bem como uma carretinha e um jet sky, informou a secretaria, acrescentando que três armas, munições e dois carregadores de armas também foram recolhidos na ação, assim como R$ 392,2 mil e valores em moedas estrangeiras.

Ainda segundo a SSP-SP, somado a isso, os agentes localizaram e apreenderam joias, bijuterias e mais de 900 relógios, além de documentos e anotações diversos, 32 celulares, 23 pen drives, 11 notebooks, três computadores, cinco Ipads, três tablets, um Mac Book e um Ipood, sete CPUs, dois videogames, quatro HDs externos, três CD’s, cinco chips telefônico, três máquinas fotográficas, cartão de memória, máquina de cartão, um DVR e uma uma central de monitoramento com câmeras.

Participaram da atuação em campo 350 policiais civis, com apoio de 100 viaturas e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Entre em nossos Grupos de WhatsApp ou em nosso Canal no Telegram e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região



Deixe um comentário:
Os comentários não representam a opinião do Notícias de Mogi e são de responsabilidade do autor da mensagem. Conteúdos com palavrões serão excluídos.