MOGI DAS CRUZES

UBSs da Vila Suíssa e Alto Ipiranga, em Mogi, seguem atendendo casos de síndrome gripal

As Unidades Básica de Saúde (UBS) da Vila Suíssa e Alto Ipiranga, em Mogi das Cruzes, continuam atendendo casos de síndrome gripal. No mês passado, as duas unidades foram temporariamente adaptadas pela Secretaria Municipal de Saúde como Centros de Combate à Gripe para pacientes mogianos. Inicialmente previsto para terminar em 31 de janeiro, o atendimento foi prorrogado até o final de fevereiro.

A Unidade Básica de Saúde da Vila Suíssa mantém o atendimento de segunda a sábado para casos leves de síndrome gripal, sem necessidade de agendamento, das 7h30 às 18 horas. A partir desta semana, diante da tendência de queda na procura, o funcionamento aos domingos ficará suspenso.

Já o Posto de Saúde do Alto Ipiranga continua funcionando de segunda a domingo, das 7h30 às 21 horas.

De acordo com a Prefeitura de Mogi das Cruzes, a ampliação das opções de assistência para pacientes com síndrome gripal foi adotada diante do crescimento de casos verificado no município desde o final do ano passado. Além dos dois Centros com horários ampliados, o município mantém as unidades Ponte Grande e Jardim Camila como apoio para casos leves durante o horário normal de expediente. 

O Hospital Municipal em Braz Cubas segue como referência para atendimento de casos mais graves e funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana. Além disso, a cidade tem outras unidades que funcionam ininterruptamente para casos de urgências e emergências, como as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do Rodeio, Oropó e Jundiapeba, o Pronto Atendimento do Jardim Universo, além do Pró-Criança.

A alta demanda é reflexo do surto de gripe registrado em vários pontos do país e do novo aumento nos casos de Covid-19. Segundo a Prefeitura de Mogi, durante todo o mês de janeiro, somente os equipamentos municipais de saúde prestaram cerca de 48 mil atendimentos de síndrome gripal e suspeita do novo coronavírus. Deste total, 7.924 foram realizados nos Centros de Referência e unidades de apoio e 40 mil nas UPAs, Hospital Municipal e PAs 24 horas.

Para conter o contágio e a proliferação das doenças respiratórias, as orientações da Secretaria Municipal de Saúde são evitar aglomerações, intensificar a lavagem e higienização das mãos e manter o uso de máscara. Outros cuidados importantes são manter os ambientes sempre muito bem arejados, aumentar o consumo regular de água, frutas e verduras. 

É fundamental, ainda, reforçar a proteção por meio da vacinação, que continua com doses disponíveis contra a Covid-19 em várias unidades. Basta efetuar o agendamento pelo www.cliquevacina.com.br.

Clique aqui e confira as últimas notícias de Mogi das Cruzes

Essa notícia foi atualizada em 4 de fevereiro de 2022 14:51

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP