Taxa de isolamento em Mogi chega a 51%; menor índice desde o início da quarentena

CIDADE PRIORIDADE

Na última sexta-feira (24), a taxa de isolamento social em Mogi das Cruzes ficou em 51%, segundo dados atualizados pelo Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI), desenvolvido pelo Governo do Estado de São Paulo. O índice é o menor já registrado até o momento, desde o início da quarentena decretada pelo governador João Doria em 21 de março.

Embora viesse caindo em dias úteis, a taxa de isolamento na cidade ainda não havia marcado menos que 52%, número atingido em outras quatro ocasiões.

Mesmo com os altos e baixos, Mogi das Cruzes segue acima da média estadual, que ficou em 48% na última sexta, mas já chegou a marcar 47%.

De acordo com o Coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, o médico infectologista David Uip, a adesão ideal para controlar a disseminação da COVID-19 (doença causada pelo vírus) é de 70%.

Confira abaixo a evolução da taxa de isolamento em Mogi desde o início da quarentena:

O SIMI-SP é viabilizado por meio de acordo com as operadoras de telefonia Vivo, Claro, Oi e TIM para que o Estado possa consultar informações agregadas sobre deslocamento nos municípios paulistas. A central de inteligência analisa os dados de telefonia móvel para indicar tendências de deslocamento e apontar a eficácia das medidas de isolamento social. Com isso, é possível apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com apoio das prefeituras.


Confira as últimas notícias sobre a quarentena em Mogi das Cruzes e Região

Entre em nossos Grupos de WhatsApp ou em nosso Canal no Telegram e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região



Deixe um comentário:
Os comentários não representam a opinião do Notícias de Mogi e são de responsabilidade do autor da mensagem. Conteúdos com palavrões serão excluídos.