EMPREGOS

Suzano Mais Emprego recebe currículos para 232 oportunidades

O Suzano Mais Emprego, programa de empregabilidade da Prefeitura de Suzano, divulgou na segunda-feira (10) a atualização de vagas disponíveis para a população. As 232 oportunidades são destinadas a profissionais de diversas áreas, tanto aqueles que almejam uma recolocação profissional como os que estão em busca do primeiro emprego.

O destaque fica por conta da área de construção civil, que conta com 35 vagas com funções como pedreiro (15), azulejista (5) e gesseiro (5). Para estes, é necessário ser alfabetizado. Já para os cargos de ajudante de pedreiro (10) e administrativo de obras (1) é preciso ter o ensino médio completo. Todas as opções exigem que o candidato tenha ao menos seis meses de experiência prévia com comprovação em carteira de trabalho.

Outro segmento com grande quantidade de vagas é o de vendas. São 18 postos de trabalho para consultor de vendas, dois para atendente, um para auxiliar de vendas e outro para vendedor externo. Todos têm requisito de escolaridade em nível médio, para atuação em Suzano e em Poá. Outras oportunidades diversas também estão disponíveis, como costureira, motorista carreteiro, operador de empilhadeira, sushiman, entre outros, cada um com suas especificações determinadas pelos contratantes.

A lista completa de vagas do Suzano Mais Emprego pode ser consultada no site da Prefeitura.

Os interessados que se enquadram nos requisitos das vagas devem consultar as exigências com atenção e enviar currículo em arquivo “PDF” ou “Word” por e-mail, no endereço eletrônico suzano.vagas@gmail.com ou solicitar a orientação presencial da equipe em uma das duas unidades do Centro Unificado de Serviços – Centrus, seja no centro (avenida Paulo Portela, 210) ou na região norte (avenida Francisco Marengo, 2.301 – Jardim Dona Benta). Os atendimentos são feitos de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

Essa notícia foi atualizada em 11 de janeiro de 2022 15:46

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP