MOGI DAS CRUZES

Primeira dose da vacina contra a Covid-19 é aplicada em Mogi das Cruzes

Na noite desta quarta-feira (20), foi aplicada a primeira dose da vacina contra o coronavírus (Covid-19) em Mogi das Cruzes. A aplicação foi realizada no Hospital Municipal, em Braz Cubas, onde funciona o Centro de Referência do Coronavírus na cidade, e o primeiro imunizado foi Davi Chaves de Oliveira, funcionário do hospital.

O evento contou com a presença do prefeito Caio Cunha e do secretário municipal de saúde, Henrique Naufel.

“A gente escolheu o Davi, que é um profissional da saúde com histórico de comorbidade. Um valente guerreiro que está na linha de frente aqui no hospital e vai receber a primeira vacina”, disse o prefeito.

Davi é mogiano, vive desde que nasceu no Mogilar, e é enfermeiro há mais de 20 anos, sendo que, desde 2018, trabalha no Hospital Municipal de Mogi das Cruzes. “Hoje é um dia histórico para mim: é 20 de janeiro de 2021 e eu nunca vou me esquecer essa data. A palavra certa para o momento é gratidão”, afirmou ele, que é portador de doença respiratória crônica, diabetes e hipertensão e atua no Pronto Socorro desde o início da pandemia. Já chegou a ficar internado por problemas respiratórios, mas nunca pegou Covid-19.

Naufel agradeceu todos os profissionais da saúde e classificou o começo da vacinação como o “início do fim da pandemia” em Mogi das Cruzes.

Assista o momento em que a primeira dose da vacina é aplicada em Mogi:

Início da vacinação

Conforme divulgado pelo Notícias de Mogi, a cidade de Mogi das Cruzes recebeu, inicialmente, 5.240 doses da vacina contra a Covid-19. Elas chegaram nesta quarta (20).

“Com isso, a gente vai consegue abranger apenas o pessoal da saúde que está diretamente relacionado ao enfrentamento da Covid-19. São os médicos e enfermeiros que estão na Terapia Intensiva ou nas enfermarias cuidando desses pacientes”, explicou o secretário Henrique Naufel.

Ainda segundo Naufel, após vacinados os profissionais de saúde e indígenas, serão imunizados os idosos, de acordo com a faixa etária. “Vai ser o quantitativo escalonado de cinco em cinco anos. Então, a partir dessa primeira dose, que serão os profissionais de saúde, indígenas e quilombolas, virão os que têm acima de 75 anos, entre 70 e 75, entre 65 e 70 e de 60 a 65 anos”, explicou ele.

Confira as últimas notícias sobre o coronavírus em Mogi das Cruzes e região

Essa notícia foi atualizada em 16 de fevereiro de 2021 18:01

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP