ALTO TIETÊ

Polícia Civil prende 52 integrantes do crime organizado no Alto Tietê

Desde o início de 2019, a Polícia Civil deteve 52 pessoas envolvidas diretamente com o crime organizado na região do Alto Tietê, segundo informações divulgadas na tarde desta terça-feira (4) pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP).

As últimas seis prisões foram realizadas hoje, em Mogi das Cruzes, Itaquaquecetuba e na zona leste da Capital. Elas fazem parte da operação “Conjunctis”, que teve como objetivo combater o tráfico de drogas e o roubo de carga na região. 

De acordo com o delegado Jair Ortiz, titular da Delegacia Seccional de Mogi das Cruzes, as provas conseguidas durantes os seis meses de investigações comprovam o envolvimento de todos os presos com o crime organizado. “Eles estão ligados a uma facção criminosa que tem como especialidade o tráfico de drogas e roubos de carga, crimes que geram recursos às organizações criminosas”, completou.

Ainda segundo o dr. Ortiz, o grupo especializado em roubo de carga atuava principalmente na Rodovia Presidente Dutra, nos trechos localizados em Guarulhos e Alto Tietê.

Os trabalhos foram realizados pelo Setor de Investigações Gerais (SIG) e pela Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) da Seccional.

A SSP-SP informou que as investigações prosseguem para identificar e prender outros envolvidos.

Essa notícia foi atualizada em 15 de junho de 2019 19:36

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online