Armas apreendidas pela PM SP em Mogi das Cruzes

Pastor que levou tiro em culto é preso por posse ilegal de armas em Mogi das Cruzes

POLÍCIA

Um homem foi detido pela Polícia Militar (PM/SP) por posse ilegal de armas na manhã desta quarta-feira (8) em Mogi das Cruzes. De acordo com os policiais, o suspeito era pastor e, em 2018, foi baleado enquanto realizava um culto em uma igreja na Avenida Lothar Waldemar Hoene.

A prisão aconteceu depois de uma denúncia de moradores de propriedades na Estrada Kem Saito, que diziam que um indivíduo armado estava pulando os muros de alguns sítios na região.

Os PMs chegaram a tempo de deter o homem, que estava em posse de um simulacro de pistola. De imediato, ele foi conduzido pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) ao setor psiquiátrico do Hospital Luzia de Pinho Melo.

Após a captura, os policiais decidiram se deslocar até a casa do suspeito, onde foi encontrado, ainda, um simulacro de fuzil, dois carregadores de pistola calibre 9mm, cinco munições de calibre 9mm, um colete balístico, uma faca e um revolver calibre 32.

A ocorrência foi apresentada na Central de Flagrantes do 1º Distrito Policial de Mogi das Cruzes, onde o delegado de plantão ratificou a voz de prisão em flagrante, ordenando que o envolvido fosse recolhido à carceragem.

Entre em nossos Grupos de WhatsApp e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região


1 comentário em “Pastor que levou tiro em culto é preso por posse ilegal de armas em Mogi das Cruzes

  1. Por que o homem estava armado? Será que depois levar tiros desses malditos vagabundos que roubam, matam, sequestra e quando são presos ficam um ano ou menos presos, e aí um cidadão se revolta e tem um arsenal de armas, isso mostra que um dia vai haver lampiões para fazer justiça para acabar com todos esses insetos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *