Mogi Basquete estreia no NBB com vitória em cima do Paulistano

ESPORTES
O Mogi Basquete estreou no NBB 2019-2020 com vitória em cima do Paulistano. O jogo, que foi realizado na última quinta-feira (17), em São Paulo, casa do adversário, terminou com placar de 105 a 94 para os mogianos.

Vale ressaltar que o Mogi conseguiu bater o time da capital mesmo com vários desfalques de jogadores: o pivô João Pedro foi operado esta semana por causa de uma ruptura no tendão do bíceps do braço esquerdo; o ala-pivô Alexandre Paranhos está disputando o mundial na China com a seleção militar; e o ala Danilo Fuzaro se recupera de um entorse no tornozelo.

“O time jogou com dificuldade, mas com o coração, e mostrou que a gente pode superar quaisquer dificuldades. O impossível se tornou possível”, avaliou o técnico Guerrinha, do Mogi Basquete. “A gente espera continuar nos superando, nos reinventando e nunca entregar antes do jogo. Pudemos fazer um sistema para preservar alguns jogadores e jogamos com o emocional deles também. Foi fantástico! Me sinto uma criança motivada para ajudar o Mogi a sair deste momento de dificuldade”, completou ele.

O destaque do jogo foi o armador Fúlvio Chiantia, que marcou oito bolas de três pontos em 10 tentativas, fechando a partida com 28 pontos. “Isso é resultado de treinar diária e exaustivamente. A comissão pede para a gente fazer o extra. Independente disso, acredito que tenha sido um jogo da equipe. A gente soube controlar o jogo todo. Tivemos alguns altos e baixos e isso não era bom porque a gente está com um time bem curto e o volume do Paulistano é grande, mas a gente abriu vantagem e soube jogar com o limite de faltas deles, controlamos o jogo e deixamos o tempo rolar. Eles jogaram com a pressão e contra o relógio”, disse o jogador.

O ala-pivô Luís Gruber também se sobressaiu com 24 pontos, seguido pelo ala André Góes, com 18; pelo armador Alexey Borges, com 16; e pelo ala Guilherme Lessa, com 14 convertidos.

“A gente teve dificuldades essa semana, mas trabalhamos muito e não deixamos de acreditar. Cada um deu ‘um’ a mais. Foi uma noite boa de todo mundo. Conseguimos um bom trabalho tanto no ataque quanto na defesa, conseguimos parar o contra-ataque deles e a equipe está de parabéns”, afirmou Gruber.

Nos placares parciais: 24 a 31 no primeiro quarto, 25 a 20 no segundo, 24 a 27 no terceiro período e 21 a 27 no último.

Na próxima terça (22), o Mogi Basquete volta à capital para encarar o São Paulo. A estreia em casa será no dia 24, às 20h, contra o Corinthians.

Entre em nossos Grupos de WhatsApp e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *