MTST faz manifestação em loja da Havan em Itaquaquecetuba

ALTO TIETÊ

Representantes do Movimento dos Trabalhadores e Sem Teto (MTST) realizaram uma manifestação na tarde desta quinta-feira (4) em uma loja da Havan no Itaquá Garden Shopping, em Itaquaquecetuba, no Alto Tietê. Os principais alvos do protesto foram a Reforma da Previdência e o dono da rede varejista, Luciano Hang.

O grupo chegou por volta das 11h e começou a encher carrinhos com diversos tipos de produtos da loja. Alguns usavam bonés da CUT (Central Única dos Trabalhadores).

Depois, os manifestantes se dirigiram com os carrinhos ao caixa e apresentaram a réplica de um cheque gigante de R$ 168 milhões, fazendo referência ao valor de uma dívida que Luciano Hang tinha com o INSS e a Receita Federal em 2004, segundo contas do Ministério Público Federal.

“A gente está aqui mostrando a contradição que é um grande empresário, uma pessoa rica, defender a Reforma da Previdência, que vai acabar com os direitos de um povo pobre. É por isso que o povo veio hoje até a Havan, fazer uma compra e pagar com a dívida do Luciano”, disse o coordenador do MTST, Josué Rocha.

Após alguns minutos, o grupo deixou a loja por conta própria e sem levar nada, momento em que os seguranças do shopping chegaram alegando que eles deviam ter pedido permissão para realizar o ato.

Vote no Notícias de Mogi para o prêmio de Melhor Portal de Notícias do Alto Tietê


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *