Vagas de Zona Azul em Mogi das Cruzes

Prefeitura de Mogi discute com comerciantes criação de mais vagas de Zona Azul

CIDADE PRIORIDADE

O secretário municipal de Transportes de Mogi das Cruzes, José Luiz Freire de Almeida, reuniu-se na última terça (23) com comerciantes na Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) para tratar da ampliação no número de vagas de Zona Azul

“Temos a possibilidade de ampliar o número de vagas de Zona Azul na cidade, mas nossa intenção é que os comerciantes, que vivem o dia a dia das regiões, nos indiquem locais onde há interesse”, afirmou José Luiz.

Entre as regiões que têm a possibilidade de receber vagas de Zona Azul estão o distrito de Braz Cubas, o Centro, o Mogilar, o Centro Cívico, o Parque Monte Líbano e o Jardim Santista. Neste último caso, por conta do grande número de clínicas médicas, a Secretaria Municipal de Transportes estuda a possibilidade de adotar um tempo diferenciado no local, possibilitando o estacionamento por até quatro horas.

Atualmente, o sistema de estacionamento rotativo de Mogi das Cruzes conta com 1.092 vagas. O valor da Zona Azul não terá alteração e no começo de maio será iniciado o trabalho de revitalização das vagas existentes e a troca dos parquímetros atuais por outros, mais modernos.

De acordo com a Prefeitura, entre as novidades previstas com o novo contrato estão os parquímetros sustentáveis, com energia solar, a possibilidade de pagamento com cartões de débito e crédito, a visualização de vias com vagas livres por meio do aplicativo, postos de venda móveis (com as orientadoras) e fixos (no comércio). Além disso, o motorista não precisará deixar o comprovante de pagamento no painel. Com o novo sistema, no momento do pagamento, será digitada a placa do veículo e a conferência será informatizada, da mesma forma como já acontece com o aplicativo.

O secretário de Transportes de Mogi, José Luiz Freire de Almeida, reuniu-se com comerciantes na sede da Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC)

“Outra novidade é que as vagas para idosos e pessoas com deficiência ficarão mais próximas aos parquímetros. Esta é a demanda da população e também facilitará a circulação destas pessoas”, explicou José Luiz.

No último dia 12, o secretário fez uma reunião com vereadores para explicar o sistema que será implantado em Mogi das Cruzes.

Vote no Notícias de Mogi para o prêmio de Melhor Portal de Notícias do Alto Tietê


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *