INSS abre 8.230 vagas para servidores aposentados e militares inativos

EMPREGOS

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) abriu inscrições para a contratação de servidores aposentados e militares inativos por tempo determinado. A seleção promovida pelo órgão preencherá 8.230 vagas para atendimento ao público nas agências do INSS e no apoio operacional.

Na região do Alto Tietê serão preenchidas 42 vagas, sendo 14 em Suzano, 13 em Mogi das Cruzes, 12 em Itaquaquecetuba, 1 em Santa Isabel, 1 em Guararema e 1 em Biritiba-Mirim. Confira a distribuição completa.

Também foram abertas 255 vagas para Subsecretaria de Perícia Médica Federal (SMPF), 235 vagas para Conselho de Recursos da Previdência Social (CRPS), 50 vagas para Subsecretaria de Regimes Próprios e 270 vagas para Secretaria de Gestão de Pessoal (SGP/DECIPEX).

De acordo com o INSS, não haverá limite de vagas para os aposentados da carreira do Seguro Social, porém, precisam ter se aposentado nos últimos cinco anos e possuir experiência na análise de benefício e para carreira do Médico Perito Federal.

Servidores aposentados da União, que atuarão no atendimento e apoio operacional, receberão mensalmente o valor de R$ 2,1 mil, além de auxílio-alimentação e auxílio-transporte. Os militares inativos receberão adicional de 30% do valor da remuneração da inatividade, conforme previsto no artigo 18 da Lei 13.954 de 2019 e artigo 8 do Decreto 2.210 de 2020. Já os aposentados da carreira do Seguro Social receberão R$ 57,50 por processo concluído e os aposentados da carreira da Perícia Médica Federal receberão R$ 61,72 por perícia médica realizada.

Inscrições

Os interessados em atuar no atendimento nas agências e apoio operacional, além da análise de benefício, deverão se inscrever no site do INSS até o dia 10 de maio de 2020.

No momento da inscrição os interessados deverão informar os dados pessoais, e-mail válido e escolher o órgão e a localidade onde tem interesse de trabalhar. O total de vagas por localidade está disponível nos anexos do edital.

Os militares inativos que podem se inscrever para o trabalho temporário no INSS (atendimento ao público em agências), SMPF e CRPS, devem possuir patente máxima de até 2º Sargento. Para outras atribuições previstas no edital para este público, como por exemplo, atuar na Secretaria de Regimes Próprios da Previdência Social e na Secretaria de Gestão e de Desempenho de Pessoal, exige-se a patente mínima de Capitão.

Todas as informações referentes à escolha do local de trabalho estão inseridas no item 2.2 do Edital, cabendo ao interessado (servidor da União e Militar inativo), escolher apenas um único grupo para inscrição.

Vale destacar que, durante o período de inscrições, os candidatos podem tirar eventuais dúvidas exclusivamente através do e-mail chamamento.inss@inss.gov.br.

Para aposentados da carreira do Seguro Social e para a carreira de Médico Perito Federal não haverá vaga por localidade. Contudo, em relação aos aposentados da carreira do Seguro Social devem informar a agência do INSS mais próxima da residência, para eventuais atividades presenciais exigidas pelo Instituto, e para aposentados da carreira da Perícia Médica Federal, deverá informar, no momento da inscrição, a unidade da prestação de serviço.

Existem regras de habilitação e de classificação para todas as modalidades do trabalho temporário no INSS. Vale lembrar que, para todas as modalidades do trabalho temporário, o candidato deve ter, no máximo, 65 anos. Os critérios estão previstos no edital e é importante que os interessados leiam com atenção antes de efetuar a inscrição.

Seleção

Após o término do período de inscrição, a Comissão Organizadora fará a avaliação das inscrições e o resultado final será divulgado no Diário Oficial da União e nos portais oficiais do governo federal: INSS, Previdência Social e Ministério da Economia. Posteriormente, serão chamados para assinatura do contrato e imediato início das atividades.

A lista de inscritos e o resultado preliminar devem ser divulgados no dia 18 de maio. O resultado final está previsto para 26 de maio.

Haverá período de capacitação para todos os selecionados, sejam aposentados da União ou militares inativos. Vale destacar que o aposentado da carreira do Seguro Social, que fará somente análise de requerimentos de benefícios, terá capacitação diferenciada, a fim de atualizar os temporários em relação aos sistemas internos e às novas regras do Regime Próprio de Previdência Social, contidas na Emenda Constitucional 103.

O contrato vai até 31 de dezembro de 2021 e poderá ser prorrogado uma única vez, pelo período restante até atingir dois anos de serviço. Os servidores e militares estarão sujeitos a metas de desempenho.

Confira mais detalhes no Edital do Processo Seletivo INSS 2020

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Entre em nossos Grupos de WhatsApp ou em nosso Canal no Telegram e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região



Deixe um comentário:
Os comentários não representam a opinião do Notícias de Mogi e são de responsabilidade do autor da mensagem. Conteúdos com palavrões serão excluídos.