MOGI DAS CRUZES

Governo de SP anuncia Bom Prato em Jundiapeba e reforma da Estação Mogi das Cruzes da CPTM

O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, esteve em Mogi das Cruzes na tarde desta terça-feira (5) para oficializar a implantação de um Bom Prato em Jundiapeba e anunciar a reforma da Estação Mogi das Cruzes da CPTM, além de recursos na área de infraestrutura urbana.

“O Bom Prato é o pronto-socorro da fome. Aquelas pessoas que mais precisam sabem que podem contar com o Bom Prato para se alimentar. Governar São Paulo é governar o estado mais rico do Brasil, é cuidar do desenvolvimento, das nossas indústrias, da ciência, da tecnologia, da inovação, do estado que dá oportunidade para as pessoas crescerem, mas é também governar o estado que tem muitas diferenças sociais”, disse Rodrigo Garcia.

Com investimento de R$ 1 milhão, a segunda unidade do restaurante popular na cidade deverá servir 1,1 mil refeições diárias (300 cafés da manhã e 800 almoços), segundo o governo estadual. Ela será administrada pela Associação Mogiana de Ações para Cidadania (AMAC) e ficará localizada na esquina da Avenida José de Souza Branco com a Rua Dr. Francisco Soares Marialva, ao lado da Unidade de Pronto de Atendimento (UPA) 24 horas de Jundiapeba. O espaço tem 300 metros quadrados de área construída, com salão para 200 lugares.

Os anúncios foram feitos em um evento aberto ao público que contou com a presença de diversos políticos e autoridades da região, além de membros do governo estadual, como o secretário dos Transportes Metropolitanos, Paulo José Galli, que falou sobre a reforma que está sendo planejada para a Estação Mogi das Cruzes, da Linha 11-Coral. “Nós vamos fazer pela CPTM um projeto de reconstrução da Estação Mogi. Não vai ser uma simples reforma. Será uma reconstrução. Será uma estação nova que será entregue à população com toda acessibilidade, com escadas rolantes, com o que há de mais moderno no transporte público, porque Mogi merece, a cidade merece, o Alto Tietê merece”, afirmou o secretário.

Ainda segundo Galli, a passagem de nível da Rua Dr. Deodato Wertheimer não será mais fechada no dia 1º de julho, conforme havia sido acordado entre a Prefeitura de Mogi das Cruzes e a CPTM. Isto porque a reforma da estação contará com a construção de uma passarela, que servirá como solução para a passagem de nível – de acordo com o governo estadual, ela não será fechada enquanto a reconstrução da estação não for concluída.

De acordo com o Governo de SP, o mesmo modelo de projeto de modernização será adotado para as outras três estações do município, que são Estudantes, Jundiapeba e Braz Cubas, com previsão de elaboração a partir de 2023. O projeto tem como premissa o atendimento a todas as normas de acessibilidade, com rota tátil e sanitários acessíveis, além das melhorias nas estruturas e plataformas das atuais estações, e a instalação de escadas rolantes e elevadores. O plano de modernização também contempla a adequação e aproveitamento dos espaços na estação para exploração comercial.

Durante visita a Mogi das Cruzes, o governador Rodrigo Garcia também anunciou a liberação R$ 17,2 milhões em três convênios com a Prefeitura para investimento em infraestrutura urbana. A cidade será contemplada com R$ 15 milhões para pavimentação de vias urbanas de terra, por meio do Programa Nossa Rua, R$ 2 milhões para reforma e ampliação de Unidade Básica de Saúde e R$ 250 mil para obras de calçadas acessíveis, no âmbito do Programa Cidades Acessíveis. A Secretaria de Desenvolvimento Regional aguarda o encaminhamento dos projetos executivos e demais documentos para a formalização dos convênios e repasse dos recursos ao município.

Assista ao discurso do governador Rodrigo Garcia em Mogi das Cruzes:

O prefeito de Mogi das Cruzes, Caio Cunha, agradeceu o governador Rodrigo Garcia e os parlamentares que lutaram pela implantação do Bom Prato em Jundiapeba, assim como o ex-prefeito Marcus Melo, a quem fez questão de chamar ao palanque. “Se houve um pedido lá atrás, se houve uma insistência lá atrás, houve alguém que acreditou para implementar, mesmo ainda sem ter o convênio assinado, construiu um prédio para que nós pudéssemos estar aqui, assinando um convênio. Então, Marcus Melo, essa vitória também é sua”, disse ele, referindo-se ao fato de que o restaurante popular vai funcionar em um prédio entregue pela Prefeitura em dezembro de 2020, durante a gestão do ex-prefeito.

Também estiveram presentes no evento a vice-prefeita de Mogi das Cruzes, Priscila Yamagami; a primeira-dama, Simone Margenet; os prefeitos das cidades de Suzano (Rodrigo Ashiuchi), Poá (Márcia Bin), Biritiba Mirim (Inho), Guararema (Zé), Santa Isabel (Carlos Chinchilla) e Ferraz de Vasconcelos (Priscila Gambale); o deputado federal Marco Bertaiolli (PSD); e os deputados estaduais André do Prado (PL), Rodrigo Gambale (PSL), Estevam Galvão (DEM) e Marcos Damásio (PL); além de diversos vereadores e secretários municipais de Mogi das Cruzes.

Alguns cidadãos aproveitaram a presença do governador e políticos da região para protestar, pedindo principalmente mais programas voltados à habitação. Alguns carregavam faixas pedindo investimento na área urgente, enquanto gritavam “Queremos Moradia!”.

Leandro Cesaroni/NM

Clique aqui e confira as últimas notícias de Mogi das Cruzes

Essa notícia foi atualizada em 6 de abril de 2022 08:28

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP