Deic descobre laboratório com 210 kg de cocaína em Suzano

PUBLICIDADE

A Polícia Civil, por meio do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), prendeu cinco homens após estourar um laboratório com produção automatizada de cocaína na tarde desta terça-feira (28), em Suzano, no Alto Tietê.

Toda a ação foi desempenhada por equipes da 4ª Delegacia da Divisão de Investigações sobre Furtos, Roubos e Receptações de Veículos e Cargas (Divecar) que, durante investigações, descobriram que um rancho, na Estrada da Adutora Rio Claro, era usado para a prática criminosa.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), foi realizado cerco policial no local e um dos suspeitos tentou balear a equipe. O homem foi baleado no ombro e contido, sendo posteriormente socorrido à Santa Casa de Suzano. Outros quatro envolvidos foram detidos na sequência.

PUBLICIDADE

Em buscas pelo rancho investigado, os policiais civis localizaram uma linha de produção automatizada atrás de um cômodo cuja entrada tinha uma parede falsa, informou a SSP-SP, acrescentando que, no ambiente, cinco máquinas embalavam a cocaína sem contato manual.

O maquinário, bem como a cocaína que estava sendo embalada e centenas de sachês prontos para comercialização foram apreendidos para perícia, somando 210,1 quilos de droga. Os cinco criminosos respondem por tráfico e associação ao tráfico de drogas. O suspeito baleado também foi indiciado por tentativa de homicídio e porte de arma.

PUBLICIDADE
Deixe um comentário

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais