Chuva causa alagamentos e complica ida à capital nesta segunda-feira (10)

Conforme antecipado pelo Notícias de Mogi, a semana começou bastante chuvosa na região do Alto Tietê. Isto porque a chuva, que começou no domingo à noite, se estendeu por quase toda a madrugada e continua na manhã nesta segunda-feira (10).

A situação mais crítica, no entanto, é em São Paulo, onde as pancadas foram mais intensas e o volume de água foi maior, o que provocou mais de 70 pontos de alagamento em toda a cidade e complicou a vida de quem trabalha na capital.

Por volta das 7h, o INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) publicou um alerta informando sobre chuva superior a 60 mm por hora e acima de 100 mm no dia, com grande risco de grandes alagamentos e transbordamentos de rios, grandes deslizamentos de encostas.

A zona oeste da cidade foi a região mais afetada. O rio Tietê transbordou e a marginal foi fechada sentido Cebolão, na altura da ponte da Casa Verde.

Barra Funda (Zona Oeste de São Paulo)

O secretário estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, pediu que as pessoas que podem trabalhar de casa evitem sair nesta manhã. “Pedimos para as pessoas fiquem em casa, não é o momento para deslocamentos”, afirmou em entrevista ao Bom Dia São Paulo, da TV Globo.

De acordo com o Penido, a chuva na madrugada e na manhã de hoje excedeu o limite do sistema de drenagem da capital. “Num período curto de três horas choveu 50% do que era esperado para todo o mês de fevereiro. O sistema funcionou até o limite, mas a chuva veio acima da capacidade. Temos de cuidar das emergências para evitar danos maiores”, disse ele.

Devido às enchentes, o rodízio de veículos foi suspenso na capital e a circulação dos transportes públicos foi comprometida. Há diversos pontos de congestionamento na cidade.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, até as 10h foram registradas 320 enchentes na Grande São Paulo, além de 47 quedas de árvore e 36 desmoronamentos.

As seguintes ações são recomendadas pelo INMET:

  • Desligue aparelhos elétricos, quadro geral de energia.
  • Observe alteração nas encostas.
  • Permaneça em local abrigado.
  • Em caso de situação de inundação, ou similar, proteja seus pertences da água envoltos em sacos plásticos.
  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Gostou do conteúdo? Ele é e sempre será 100% aberto e gratuito, no entanto, se considerá-lo importante e necessário, você pode apoiar nosso trabalho fazendo uma doação

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais