MOGI DAS CRUZES

Sesc de Mogi das Cruzes deve iniciar atividades no segundo semestre

As obras da primeira fase do Sesc de Mogi das Cruzes devem ser concluídas até o fim deste primeiro semestre e as atividades iniciadas no segundo semestre deste ano, informou a Prefeitura nesta quarta-feira (28), após visita do prefeito Caio Cunha ao local onde a estrutura está sendo construída – na área do antigo Centro Esportivo do Socorro.

O prefeito foi recebido pelo coordenador de assessoria técnica e de planejamento do Sesc, Sérgio José Battistelli. O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Gabriel Bastianelli, e a secretária-adjunta de Cultura, Lúcia Helena Martins Gonçalves, também participaram da visita. Eles percorreram a estrutura que receberá o Sesc, vistoriaram as obras e verificaram as plantas e projetos para o local.

Segundo a administração municipal, no espaço foi instalada uma nova cerca externa e as quadras já foram reformadas. Além disso, foram retirados muros internos com o objetivo de otimizar o espaço. A calçada, que terá pista de caminhada, está sendo executada, bem como a preparação para a instalação de postes de iluminação e o local que receberá um espaço para apresentações e exposições.

Na primeira etapa de implantação, o Sesc está aproveitando as estruturas que já existiam no Centro Esportivo do Socorro, como alguns prédios, campo de futebol, quadras e piscina. Com isso, elas estão passando por serviços de reforma e de adequação para as necessidades do Sesc. A entidade também está trabalhando em ações internas como substituição de instalações elétricas, execução de rede lógica e adequações nas instalações da piscina.

De acordo com o projeto do Sesc para a unidade, nas edificações ao lado da piscina serão implantados um galpão multiuso e um espaço de convivência, de leitura, bem como uma loja Sesc. Já nos prédios à esquerda da entrada principal, a ideia é instalar um espaço de tecnologia e artes, uma oficina de artes, uma central de relacionamento e também uma área administrativa.

Nos espaços abertos, o projeto prevê a implantação de um bosque central, de um quiosque com oficinas de educação ambiental e de espaços de brincar. Também está previsto um espaço fechado para as crianças desenvolverem suas habilidades e imaginação. 

A primeira fase do projeto prevê ainda pista de caminhada, sala de ginástica, vestiários, praça de eventos, praça recreativa, salas multifuncionais, além de espaços destinados à administração e apoio operacional. Já na segunda fase, o Sesc projeta algumas instalações complementares, como um espaço para café, uma carreta odontológica e também um campo de grama sintética.

Foto: Divulgação/PMMC

Essa notícia foi atualizada em 28 de abril de 2021 20:17

Compartilhar
Tudo sobre: Sesc Mogi
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online