Prefeitura de Mogi anuncia novas mudanças no sistema de Zona Azul

CIDADE
Após implantar um novo sistema de Zona Azul na cidade, que passou a permitir pagamento por cartão, a Prefeitura de Mogi das Cruzes está anunciando mais mudanças no estacionamento rotativo de carros.

A partir de agora, o motorista que estacionar em um setor mas não utilizar todo o tempo adquirido poderá usar o saldo restante em outro setor, durante o período de validade dos créditos. Anteriormente, isso não era possível.

Outra mudança importante é que o motorista poderá permanecer por mais de duas horas no mesmo setor, precisando apenas trocar de vaga. Até então, após este período de duas horas, o motorista não poderia mais utilizar o mesmo setor durante o dia.

As mudanças foram definidas em uma reunião realizada na tarde da última quinta-feira (11) entre a Secretaria Municipal de Transportes e a empresa responsável pelo estacionamento controlado. De acordo com a Prefeitura, as alterações “seguem observações realizadas pela pasta e sugestões apresentadas pelos usuários desde o início do funcionamento do novo sistema”.

O secretário municipal de Transportes, José Luiz Freire de Almeida, afirmou que a prioridade do sistema de Zona Azul é garantir a rotatividade do estacionamento de veículos em locais com grande interesse e movimentação de pessoas. “Estas adequações estão sendo adotadas para facilitar a utilização do sistema e beneficiar os motoristas, que terão mais opções de estacionamento e utilização dos créditos”, completou ele.

O secretário lembrou ainda que todos os 47 parquímetros instalados na cidade já estão com o novo sistema em operação, que aceita moedas, cartões de débito e crédito. Agora, o usuário digita a placa do carro e o setor em que está estacionando. As informações são enviadas ao sistema da Zona Azul, onde ficarão eletronicamente registradas. Com isto, não é preciso que o recibo de pagamento fique no painel do veículo.

Durante a reunião também ficou decidido que, até o dia 31 de julho, os motoristas que fizerem o pagamento da Zona Azul mas descumprirem alguma regra de rotatividade não serão autuados, apenas orientados. Já quem não fizer o pagamento ou mantiver o veículo estacionado após o vencimento do período está sujeito a multa. Segundo a Prefeitura, a partir de 1º de agosto, a fiscalização vale para todos.

Mogi das Cruzes conta atualmente com 1.092 vagas de estacionamento controlado, distribuídas na região central e bairros próximos. Os valores permanecem os mesmos: R$0,75 (30min); R$1,50 (60min); R$2,25 (90min); R$3,00 (120min).

Entre em nossos Grupos de WhatsApp e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *