PM/SP detém quatro homens acusados de roubo de carro em Mogi das Cruzes

POLÍCIA PRIORIDADE

Quatro homens foram detidos pela Polícia Militar (PM/SP) na manhã da última quarta-feira (8) em um condomínio no Conjunto Bom Pastor, em Mogi das Cruzes. Eles são acusados de terem roubado um veículo, além de celular, pertences pessoais e R$ 760 em dinheiro.

O veículo foi encontrado pelos policiais em estado de abandono em uma mata na Estrada Kinzo Fugino. Com a chegada das vítimas ao local, a proprietária do carro informou que os criminosos haviam levado também outros pertences.

Através do rastreamento do celular da vítima, os PMs conseguiram identificar sua atual localização: um condomínio situado na Avenida Kaoru Hiramatsu, próximo de onde o veículo foi encontrado.

De acordo com a polícia, os próprios moradores do condomínio indicaram um apartamento no qual quatro indivíduos haviam entrado apressados e em atitude suspeita, pouco antes da chegada da viatura.

Ao se aproximar do bloco do apartamento, os PMs perceberam uma mochila vermelha sendo arremessada do último andar. Nela, foram encontrados um simulacro de pistola e uma faca de cozinha.

No imóvel de onde a bolsa foi jogada, os policiais foram recebidos pela mãe de dois dos suspeitos, que franqueou a entrada da equipe. Estavam no apartamento os filhos dela e mais dois indivíduos, sendo que um deles teria confessado o roubo do carro.

Os PMs disseram, ainda, que encontraram no local uma outra mochila, com roupas escuras e máscaras pretas, iguais às utilizadas no crime, segundo relatos das vítimas. Também foram apreendidos dois pés de cabra – espécie de alavanca utilizada por criminosos para arrombar portas de veículos.

Os quatro suspeitos foram encaminhados à Central de Flagrantes do 1º Distrito Policial de Mogi das Cruzes, onde permaneceram detidos.

Entre em nossos Grupos de WhatsApp ou em nosso Canal no Telegram e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região



Deixe um comentário:
Os comentários não representam a opinião do Notícias de Mogi e são de responsabilidade do autor da mensagem. Conteúdos com palavrões serão excluídos.