Escritora Mirian Goldenberg fará palestra em Mogi no dia 9 de agosto

CULTURA

No dia 9 de agosto, às 19h30, a antropóloga e escritora Mirian Goldenberg fará uma palestra no Centro Municipal de Formação Pedagógica (Cemforpe), em Mogi das Cruzes. Será a primeira vez que ela estará na cidade, trazendo a temática do envelhecimento na cultura brasileira. 

A palestra aborda as mudanças das representações, significados, desejos, medos, comportamentos, discursos e valores dos homens e das mulheres a respeito do envelhecimento na cultura brasileira e vem com o nome de “A Invenção de uma Nova Velhice”. A partir de uma nova realidade sobre o envelhecimento no Brasil, ela lança uma reflexão sobre os estereótipos e preconceitos associados aos corpos de mulheres e homens mais velhos, mostrando a importância da liberdade, do prazer e do cuidado em todas as fases da vida.

A proposta da palestra é compreender as diferenças entre visões, comportamentos e valores de mulheres e homens, de diferentes gerações, destacando-se a importância da felicidade e da liberdade no envelhecimento e aprofundar a discussão sobre a distância entre o discurso e o comportamento efetivo de mulheres e homens, destacando-se o valor dos projetos de vida, do tempo, da aposentadoria, da saúde, da atividade, da qualidade de vida entre outras questões.

Mogi das Cruzes será a terceira cidade em que a escritora fará o lançamento da publicação – as duas primeiras foram as capitais Rio de Janeiro e São Paulo. Após a palestra Miriam lançará o de seu mais novo livro, que fala sobre liberdade e felicidade e já entrou para a lista dos mais vendidos da seção de Antropologia do site Amazon.

A entrada custa um pacote de fraldas geriátricas (tamanhos M ou G, mínimo de 8 fraldas por pacote). A troca de ingressos começou na última quarta-feira (24), na Rádio Metropolitana AM 1070 e na Livraria Leitura.

De acordo com a Prefeitura de Mogi, todos os pacotes de fraldas geriátricas arrecadados serão destinados a entidades sociais e equipamentos municipais que prestam atendimento a pessoas da terceira idade. São eles: Instituto Pró+Vida, Centro Dia do Idoso, Casa São Vicente de Paulo, Vila Dignidade, Associação Madre Esperança e Associação Manuel Maria.

Sobre Mirian Goldenberg

Mirian Goldenberg é professora titular do Departamento de Antropologia Cultural e do Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro. É também doutora em Antropologia Social pelo Programa de PósGraduação em Antropologia Social do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro, bem como colunista do jornal Folha de S. Paulo, desde 2010. Está cursando o pós-doutorado “Envelhecimento e Felicidade” (IVIG/COPPE/UFRJ) e é autora de diversos livros, como A bela velhice, Coroas, Corpo, envelhecimento e felicidade, Velho é lindo!, A Outra, Toda mulher é meio Leila Diniz, A arte de pesquisar, Os novos desejos, Nu & Vestido, De perto ninguém é normal, Infiel: notas de uma antropóloga, O corpo como capital, Noites de Insônia: cartas de uma antropóloga a um jovem pesquisador, Por que homens e mulheres traem?, Intimidade, Tudo o que você não queria saber sobre sexo, Homem não chora. Mulher não ri, SeXo, Por que os homens preferem as mulheres mais velhas? 

Vote no Notícias de Mogi para o prêmio de Melhor Portal de Notícias do Alto Tietê


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *