BRASIL

Nome sujo: como fazer para pedir um cartão de crédito com o CPF negativado

Muitos brasileiros acreditam que o fato de estar com o CPF negativado torna impossível o acesso a cartões de crédito, que permitem que compras físicas e online sejam parceladas, em algumas vezes sem juros. Acontece que as instituições financeiras criaram duas modalidades que praticamente anulam o risco de inadimplência, abrindo caminho para a aprovação de crédito também a quem está com o nome sujo ou o score baixo.

Uma das opções é o cartão de crédito consignado. Como parte do pagamento é indireto, ele é abatido diretamente da sua folha de pagamento ou benefício de pessoa física. Sendo assim, esta é uma modalidade que não está disponível para todo mundo. Para solicitar é preciso ser funcionário público, aposentado, pensionista do INSS, funcionário das Forças Armadas ou trabalhar como CLT em uma empresa privada.

Como os pagamentos são abatidos diretamente do salário ou benefício, é possível solicitar um cartão de crédito consignado mesmo com restrições no CPF, o que não significa que ele não será consultado. O banco pode fazer uma análise para determinar qual vai ser o limite de crédito e a margem consignável.

Alguns bancos que trabalham com cartões de crédito consignados são o Bradesco, Banco Inter, Banco Pan, Caixa Econômica Federal e BMG.

Outra opção de cartão de crédito para quem tem o nome sujo é o pré-pago. A única exigência para obtê-lo é ter um CPF válido, sendo que não é necessário nem possuir conta bancária.

Na hora de passar seu cartão pré-pago em uma maquininha ou inserir os dados em um site, ele funcionará da mesma forma que um cartão tradicional. A diferença é que você paga antes ao invés de ter um limite pré-estabelecido com pagamento da fatura no fim do mês. Ou seja, é preciso recarregar o cartão via boleto, depósito ou transferência para ter limite.

Confira algumas vantagens do cartão de crédito pré-pago:

  • Sem anuidade;
  • Possibilidade de solicitação de um cartão livre de tarifas;
  • Aceito internacionalmente;
  • Pode ser usado na função crédito;
  • O valor das compras é debitado automaticamente do saldo do cartão, ou seja, não tem fatura;
  • Sem comprovação de renda;
  • Risco zero de se endividar

O cartão de crédito pré-pago permite que muitos consumidores possam realizar compras por meio da internet e assinar serviços de streaming, por exemplo, além de ser aceito em diversos estabelecimentos.

Alguns bancos que trabalham com cartões de crédito pré-pago são o PagBank, Mercado Pago, Nubank, PagSeguro, RecargaPay, Bradesco, Itaú, Acesso etc.

Antes de solicitar um cartão de crédito pré-pago, no entanto, é preciso ficar atento às taxas (de adesão, de recarga, de saque e de mensalidade), para que ele não acabe se tornando desvantajoso.

Essa notícia foi atualizada em 10 de maio de 2021 19:48

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online