MOGI DAS CRUZES

Mogi das Cruzes inscreve para terceira turma do Curso de Educadores Ambientais

As inscrições para a terceira turma do Curso de Educadores Ambientais Locais, promovido pela Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente, estão abertas e podem ser feitas até o dia 10 de janeiro de 2022. 

De acordo com a administração municipal, a terceira turma será voltada para os moradores da região do Cocuera e as inscrições podem ser feitas na Secretaria do Verde (rua Brás Cubas, 470, Centro), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h (especificamente nesta semana, por conta do Ano Novo, o expediente irá até quinta-feira, até às 13h); por telefone (4798-5962 ou 4798-5959); ou pelo e-mail svma@pmmc.com.br. As aulas começarão em 12 de janeiro. Os telefones para mais informações são 4798-5962 ou 4798-5959.

A secretária municipal do Verde e Meio Ambiente de Mogi das Cruzes, Michele de Sá Vieira, afirma que o curso vem engajando, unindo e capacitando mogianas e mogianos de diferentes idades e formações profissionais. As aulas proporcionam formação teórica, atividades práticas e diálogo. Segundo Michele, ao longo de 2021 o curso consolidou-se na cidade como uma ferramenta de construção da cidadania e de respeito ao meio ambiente.

Cada turma tem cinco módulos de formação, sendo um deles dedicado a uma visita ao Parque Municipal. Os módulos ocorrem entre 14h e 17h e, nos períodos entre as formações presenciais, denominados de períodos entre módulos, os participantes realizam atividades junto à sua comunidade, no sentido de divulgar a formação e a importância da participação de todos na construção da sustentabilidade socioambiental.

De acordo com a Prefeitura, entre os objetivos do curso, estão promover a sensibilização dos moradores frente ao tema, estimular o conhecimento sobre o território onde vivem e fomentar o planejamento de ações orientadas pelos paradigmas da sustentabilidade.

Durante a formação também são abordados problemas socioambientais locais, como o descarte irregular de resíduos sólidos, o parcelamento irregular do solo, a poluição dos rios e córregos, a supressão da vegetação nativa, entre outros. Outra meta é tornar a legislação ambiental mais acessível à população, além de orientar as pessoas a elaborarem planos de ações coletivas.

Duas turmas fizeram o curso em 2021. A primeira turma reuniu moradores de Jundiapeba, Chácara Santo Ângelo, Conjunto Santo Ângelo, Santo Ângelo, Parque das Varinhas, Jardim Nove de Julho e Parque São Martinho. As aulas tiveram início no dia 2 de setembro e foram até o dia 14 de outubro. 

Já a segunda turma reuniu moradores dos bairros Barroso, Pedra Branca, Pindorama, Quatinga, Taiaçupeba, Taquarussu e Vargem Grande. As aulas ocorreram entre os dias 27 de outubro e 8 de dezembro. Os participantes que tiverem pelo menos 80% de participação nas quatro etapas de formação receberão certificados.

Siga nossa página no Google News e receba mais notícias de Mogi das Cruzes

Essa notícia foi atualizada em 27 de dezembro de 2021 16:07

Compartilhar
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online