Categorias
BRASIL

Moeda de 50 centavos com defeito pode valer até R$ 1.800; descubra se tem uma



Muita gente não sabe mas pode possuir mais dinheiro do que imagina. Isto porque existem notas e moedas raras, cujo valor é muito maior que o valor original que elas representam.



Os fatores que definem se uma nota ou moeda é rara podem estar relacionados à sua tiragem (se for baixa, ela naturalmente se torna mais difícil de ser encontrada) ou então a algum possível defeito de fabricação (são as chamadas “mulas” ou moedas híbridas).



Apesar das falhas no processo de fabricação, algumas moedas defeituosas acabam sendo distribuídas ao mercado, tornando-se verdadeiros tesouros para os numismatas – como são chamados os colecionadores de moedas.



Existe, por exemplo, um lote de moedas de 50 centavos que foram fabricadas e distribuídas sem o número 0 no ano de 1999. É possível ver apenas o número 5, embora não seja uma moeda de 5 centavos, conforme cor, tamanho e espessura.



Uma moeda de 50 centavos sem o número 0 pode valer até R$ 1.800 entre os colecionadores. O valor vai depender das condições de preservação da moeda e da pessoa para quem você está vendendo.

Como vender

Caso você possua alguma nota ou moeda rara em casa, a dica é acessar o site da Sociedade Numismática Brasileira, onde é possível encontrar uma lista de lojas especializadas em compra, venda e avaliação de moedas e cédulas antigas.

Para receber mais notícias sobre finanças e benefícios sociais, entre em nossos canais no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia: