POLÍCIA

Homem é preso por furtar água para vender a barracas de lanches no Mogilar

Um homem foi preso na última quarta-feira (4) pela Polícia Militar (PM/SP) no Mogilar, em Mogi das Cruzes. Ele é acusado de furtar água de um galpão na região para vender a barracas de lanches que ficam próximas ao Hospital Luzia de Pinho Melo.

De acordo com os policiais, após receberem a denúncia do COPOM (Centro de Operações da Polícia Militar) eles foram até o galpão e encontraram o lacre de proteção do hidrômetro rompido e o cavalete de água danificado.

Os PMs afirmaram que, em posse das características físicas repassadas pelo COPOM, realizaram um patrulhamento pela região em busca do suspeito e o encontraram. Ele teria confessado o crime, explicando que recebia R$ 2 por cada galão de 20 litros que vendia às barracas de lanches.

A ocorrência foi apresentada no 1° Distrito Policial, onde o delegado de plantão determinou a elaboração de boletim de ocorrência sobre furto qualificado e receptação (referente aos representantes das barracas de lanches que adquiriam a água furtada).

Essa notícia foi atualizada em 5 de setembro de 2019 10:21

Compartilhar
Tudo sobre: FurtoMogilarPM/SP
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online