ALTO TIETÊ

Guarda Municipal de Suzano impede realização de festas no fim de semana

A Guarda Municipal de Suzano (GCM) impediu, no fim de semana, a realização de dois eventos que poderiam ter causado aglomerações de pessoas no distrito de Palmeiras. A ação ocorreu durante comandos que a corporação realizou com apoio da Polícia Militar (PM/SP) na noite da última sexta-feira (7).

A principal blitz aconteceu na estrada Keida Harada, próximo aos entroncamentos com as estradas do Oura, do Tani e das Varinhas, na Vila Ipelândia. De acordo com a Prefeitura de Suzano, a operação, que contou com quatro viaturas da GCM, dez guardas e quatro policiais militares, foi motivada por demandas da população local sobre perturbação do sossego, o que também infringe as determinações acerca do distanciamento social durante a quarentena contra o novo coronavírus (Covid-19).

Informações recebidas pela GCM davam conta de que seriam realizadas festas em uma chácara e em um bar. O comando foi montado a partir das 18h na entrada do bairro, de modo a identificar quem estava se dirigindo para esses locais e informar sobre a proibição da realização de eventos dessa natureza em um momento de pandemia.

Segundo a Prefeitura, durante as abordagens, foram descobertos vários equipamentos de som dentro de um veículo, que seriam utilizados em um dos eventos. “Agimos de forma a prevenir a realização dessas festas e, assim, evitar a perturbação do sossego da vizinhança e auxiliar no combate à propagação da Covid-19. Foi fundamental para o bem-estar da população local e para a saúde de todas aquelas pessoas que participariam dos eventos”, disse a comandante da corporação, Rosemary Caxito.

Também na sexta, a GCM de Suzano promoveu mais dois pontos de apoio como este no Jardim Casa Branca e na Vila Barros até as 22 horas.

Apresentação musical

Já na tarde de sábado (8), o Departamento de Fiscalização de Posturas de Suzano recebeu a informação de que uma casa noturna localizada na região central de Suzano abrigaria uma apresentação de música naquela noite.

De acordo com a administração municipal, fiscais foram até o local e notificaram os representantes do estabelecimento, explicando que o evento não poderia ocorrer em razão da pandemia do novo coronavírus.

A Prefeitura reforça que situações como essas podem ser denunciadas para a GCM pelos telefones (11) 4746-3297 e 153 e para o Departamento de Fiscalização de Posturas no número (11) 4745-2046.

Confira as últimas notícias sobre a quarentena em Mogi das Cruzes e Região

Essa notícia foi atualizada em 10 de agosto de 2020 19:47

Compartilhar

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais