Categorias
BRASIL

Governo de SP retoma leilão de veículos em oito cidades; veja quais



O Governo de SP anunciou que, a partir de julho, serão retomados os leilões de veículos em oito cidades paulistas. A expectativa é que mais de 3,2 mil veículos sejam comercializados nesses eventos.



Os leilões de carros haviam sido suspensos pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) em setembro de 2023.



O governo estadual informou que os o leilão de veículos acontecerá em Botucatu, Bragança Paulista, Capela do Alto, Cerquilho, Cesário Lange, Itapecerica da Serra, Itatiba e Juquitiba.



“As oito cidades que vão contar com leilões até julho são apenas as primeiras da nova fase de licitações do Detran-SP. Redefinimos as bases para atender o cidadão com maior segurança”, diz Ícaro Eustachio, diretor de Educação para o Trânsito e Fiscalização do Detran-SP.



Com acordos firmados em 20 de março, os lotes aptos seguem na fase de preparação dos veículos – quando se verifica se há registro de restrição judicial ou policial, gravames financeiros ou débitos relativos a tributos, encargos e multas de trânsito. Nesse momento, também são definidos quais veículos estão conservados, em condições para trafegar em segurança, e quais serão vendidos como sucata, além de um lance mínimo para cada item.

Antes de sugerir um preço e se candidatar a um veículo, é importante consultar o edital do leilão. No documento, além dos dados administrativos, constam informações como marca, modelo, ano de fabricação, número de motor e cor predominante dos bens ofertados, valor inicial dos lotes e forma de pagamento, assim como local, data e horário em que os veículos poderão ser examinados e retirados depois de batido o martelo.

O aviso sobre o evento, com endereço, dia e hora de realização, tipos de veículos ofertados, se destinados à circulação ou à venda como sucata, é publicado 15 dias antes no Diário Oficial do Estado, em jornais da região onde ocorrerá a licitação e no site da entidade responsável pelo leilão.

No início de abril o Detran-SP criou a Comissão Estadual de Leilão, por meio da Portaria 2.235, para prestar uma espécie de consultoria ativa, com o objetivo de consolidar um sistema íntegro e eficiente.

Além do suporte técnico na operacionalização – como na preparação dos lotes, com o cadastro dos veículos no Sistema de Pátios e Leilões (SISPL), e no lançamento dos editais –, a comissão vai registrar e arquivar toda a documentação relativa aos procedimentos de leilões no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), publicar indicadores de desempenho, propor metas de aperfeiçoamento e compartilhar dados estatísticos de forma integrada ao painel oficial de dados do Detran-SP.

Para receber mais notícias sobre finanças e benefícios sociais, entre em nossos canais no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia: