MOGI DAS CRUZES

Festeiros do Divino se reúnem com rezadeiras para apresentar agenda de 2022

Os festeiros e capitães de mastro da Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes se reunirão com as rezadeiras e rezadores (e seus auxiliares) na manhã deste sábado (27) para apresentar a eles o tema da festividade e a agenda de 2022, que ocorrerá de 26 de maio a 5 de junho. O encontro será realizado na Associação Pró-Festa do Divino, no Mogilar.

Além dos festeiros Ricardo Lima da Costa e Denise Rezende da Silva e dos capitães de mastro Eduardo Ferreira Rego e Milena da Costa Freire Rego, participarão as coordenadoras das rezadeiras Aparecida Marlene Miguel de Barros (Cida) e Elizabeth Martins de Godoy (Beth).

Este será o primeiro encontro com o grupo de evangelizadores da Festa do Divino, depois de quase dois anos afastado por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). “Para nós, é uma alegria imensa poder reuni-los de novo. Antes de iniciar a reunião, vamos fazer um minuto de silêncio por todos os amigos que faleceram neste tempo, em especial pelas nossas rezadeiras vítimas de covid”, comentou Cida. Na oportunidade, segundo ela, os festeiros e capitães de mastro apresentam o tema e o logo: “A ideia é que todos estejam preparados para levar adiante essas informações aos fiéis”.

Atualmente, há 41 rezadeiras oficiais e 115 auxiliares, totalizando 156 pessoas, que se encarregam de evangelizar dezenas de famílias nos quatro cantos da cidade antes mesmo da Festa do Divino começar, levando a mensagem dos dons do Espírito Santo, a presença de Deus, à casa dos devotos.

O Retiro das Rezadeiras e Rezadores da Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes 2022 está marcado para o dia 22 de janeiro, na Associação Pró-Divino, e a Missa de Envio será no dia 23 de janeiro, na Catedral de Sant´Ana.

Siga nossa página no Google News e receba mais notícias de Mogi das Cruzes

Essa notícia foi atualizada em 28 de novembro de 2021 18:54

Compartilhar
Tudo sobre: Festa do Divino
Leandro Cesaroni

Jornalista graduado pela FIAM e pós-graduado em jornalismo cultural pela FAAP. Possui mais de 10 anos de experiência em jornalismo online