Categorias
BRASIL

Empréstimo para MEI: veja como solicitar crédito na Caixa e BNDES



Empréstimo para MEI (Microempreendedor Individual) é um recurso que vem sendo cada vez mais disponibilizado pelos bancos, devido sobretudo ao aumento significativo do empreendedorismo no país, principalmente após o período de pandemia.



Dentre as instituições financeiras mais buscadas na hora de se fazer um empréstimo para MEI estão a Caixa Econômica Federal e o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).



Com o Crédito CAIXA Tem, é possível pagar as despesas com fornecedores, salário de ajudante/funcionário, contas de água, luz e aluguel, comprar matérias-primas e mercadorias para revenda, entre outros.



O empréstimo da Caixa pode ser solicitado por trabalhadores informais (pessoa física) e por quem é MEI (microempreendedor individual), estando disponível inclusive para pessoas negativadas.



Neste caso, as condições variam de acordo com o perfil do cliente. No caso de trabalhadores informais o valor do crédito pode chegar a R$ 1.000, com taxa de juros de 2,99% até 3,60% ao mês. Já para MEI, o valor pode chegar a R$ 3.000 e a taxa de juros é de 1,99% a 3,60% ao mês. Em ambos os casos, o prazo para pagamento é de 18 a 24 meses.

Quem é trabalhador informal pode fazer a solicitação diretamente pelo aplicativo Caixa Tem. Já Microempreendedores Individuais devem fazer o pedido em uma agência da Caixa Econômica Federal.

Empréstimo BNDES

No caso do BNDES, o empréstimo para MEI pode chegar a R$ 20 mil, valor que deve aplicado em capital de giro e investimentos como obras civis, aquisição de máquinas e equipamentos novos ou usados, além da compra de insumos e materiais.

O crédito do BNDES pode ser solicitado por pessoas físicas e jurídicas empreendedoras de atividades produtivas de pequeno porte, que possuam receita bruta igual ou inferior a R$ 360 mil em cada ano-calendário.

A taxa de juros do empréstimo do BNDES é negociada entre o agente operador e o cliente, não podendo exceder os 4% mensal, já considerando os encargos. Há, ainda, uma taxa administrativa que pode ser cobrada pelo agente operador no ato da contratação, de até 3% sobre o valor financiado.

A solicitação do empréstimo para MEI do BNDES pode ser realizada online, por meio do Canal MPME.

Para receber mais notícias sobre finanças e benefícios sociais, entre em nossos canais no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia: