ALTO TIETÊ

Deic prende suspeitos de crimes financeiros em Arujá, Itaquaquecetuba e outras cidades

A Polícia Civil, por meio do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), prendeu oito pessoas suspeitos de furtos por meio de fraudes contra sistemas financeiros. As detenções foram realizadas durante a “Operação ID”, deflagrada na quarta-feira (15), para o cumprimento de ordens judiciais na Capital, região metropolitana, litoral sul e interior de São Paulo.

Os trabalhos foram realizados por agentes da 6ª Delegacia de Investigações sobre Facções Criminosas e Lavagem de Dinheiro.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), durante apurações, os policias descobriram um esquema organizado que criava acesso para movimentações entre contas correntes burlando dispositivos de segurança de Internet Banking e identificaram oito envolvidos na operação das fraudes, incluindo duas mulheres.

De posse dessas informações, a equipe conseguiu junto à Justiça mandados de prisão e de busca e apreensão que foram cumpridos nas cidades de Arujá, Itaquaquecetuba, São Paulo, Diadema, Guarujá, Santos, São Vicente, Limeira e Socorro.

Como resultado, oito suspeitos foram presos e vão responder pelos crimes de associação criminosa e furto qualificado. Segundo a SSP-SP, os prejuízos causados pelo grupo chegam a R$ 2 milhões.

Essa notícia foi atualizada em 16 de setembro de 2021 09:25

Compartilhar

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais