Mogi Basquete x Cearense

De virada, Mogi Basquete vence o Cearense em Fortaleza pelo NBB

ESPORTES

O Mogi Basquete bateu o Basquete Cearense de virada por 71 a 67 na noite desta segunda (9) pelo NBB (Novo Basquete Brasil), em Fortaleza, no Ceará. O time da casa liderou os três primeiros períodos, com parciais de 16 a 13 (1º), 21 a 18 (2º) e 21 a 19 (3º). Porém, os mogianos reagiram no último quarto (21 a 9) e garantiram a vitória.

O ala-pivô Alexandre Paranhos foi o mais eficiente (20) da partida, com 17 rebotes e sete pontos. O ala André Góes foi o cestinha da noite, com 18 pontos e oito rebotes. Também se destacaram o ala-pivô Fabrício Russo, com 12 pontos (quatro da linha dos três) e oito rebotes, o ala Danilo Fuzaro, com 13 pontos e cinco rebotes, e o armador Lucas Lacerda, com 10.

Na opinião do técnico Guerrinha, Mogi não fez um bom jogo, mas conseguiu levar vantagem com o espírito de superação. “Foi um jogo duro, como esperávamos. É um time com jogadores experientes, que fez uma excelente partida contra Brasília e estava com moral. E a gente se ajustando com saída dos dois armadores. Não fizemos um bom jogo, nem defensiva, nem ofensivamente, mas, mais uma vez, a gente teve o espírito e a superação de ganhar no final e virar 21 a 9 no último quarto. O Gruber jogou com o pé totalmente inchado, no sacrifício, e o time fazendo das tripas coração, porque o importante era uma vitória. Continuamos nossa luta para terminar o primeiro turno na melhor posição possível para no segundo ter a equipe inteira. Então, valeu muito a vitória”, disse o treinador.

O ala André Góes destaca a resiliência do grupo diante das dificuldades que vem passando na competição. “Mais uma vez a palavra é superação. Todo mundo dá um pouquinho a mais e é isso aí. Os meninos estão tendo mais espaço, precisam se personalizar e eles têm qualidade para isso. A gente precisa muito deles agora neste final de ano. Todos têm que jogar bem para conseguirmos ter resultados positivos e hoje, apesar de todas as dificuldades, soubemos ter calma, recuperar o controle do jogo e fechar com mais uma vitória”, afirmou o camisa 40.

O Mogi Basquete não conta com o pivô João Pedro Demétrio, que passou por uma cirurgia no tendão do bíceps do braço esquerdo e tem retorno previsto para abril, e com os armadores Alexey Borges, que foi submetido a um procedimento no menisco do joelho esquerdo e tem volta esperada para o início de fevereiro, e Fúlvio Cianthia, com um entorse no tornozelo esquerdo.

Com a vitória, o time se manteve na terceira posição do campeonato, atrás apenas do Flamengo e Franca, que têm apenas um ponto a mais.

Confira abaixo a classificação dos 10 primeiros colocados no NBB:

Reprodução: LNB

Foto: Stephan Eilert / Basquete Cearense

Entre em nossos Grupos de WhatsApp e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *