Avenida das Orquídeas - Mogi das Cruzes \ Suzano

Nova ligação entre Mogi e Suzano, Avenida das Orquídeas será entregue até junho

CIDADE PRIORIDADE
Entre maio e junho – esta é a previsão para entrega da Avenida das Orquídeas, segundo o secretário de Obras, Walter Zago Ujvari, que esteve no local na última sexta-feira (5) para acompanhar o andamento da construção, que está 87% pronta.

A avenida se apresenta como uma alternativa entre as cidades de Mogi das Cruzes e Suzano, além de estar ligada também ao Trecho Leste do Rodoanel. O principal objetivo da obra é desafogar o corredor formado pelas avenidas Francisco Ferreira Lopes e Lourenço de Souza Franco, um dos mais movimentados de Mogi.

O secretário foi ao local acompanhado dos vereadores José Antonio Cuco Pereira (PSDB), Antonio Lino da Silva (PSD) e Pastor Carlos Evaristo da Silva (PSD). Juntos, eles percorreram três pontos da obra: na altura do Córrego dos Canudos, em Braz Cubas, que recebeu ajustes de rampa; além do trecho da travessia sob o rio Jundiaí e já quase no final da avenida, no escritório montado pelo Consórcio GG, que executa os serviços na via.

O vereador Pastor Carlos Evaristo analisou que a obra, depois de pronta e aberta, vai trazer grandes resultados para a melhoria do trânsito nesta região. Para o vereador Cuco Pereira, um dos destaques é a ciclovia que será a maior existente em Mogi das Cruzes, com 10 quilômetros de extensão, desde a Estação Estudantes. Já o vereador Antonio Lino solicitou aos representantes das empresas que integram o consórcio, responsável pelas obras, que ajudem a tornar a base da Polícia Militar de Braz Cubas padrão, com pequenos reparos, já que se trata de uma nova norma do governo estadual. Lino ainda questionou Zago também se a via não teria baias para os ônibus, mas a necessidade foi descartada porque a via é larga e contará com três pistas, em ambos os sentidos.

Vereadores acompanham o secretário de obras em visita à Avenida das Orquídeas

Projeto viário

A obra faz parte de um grande projeto viário iniciado em 2016 pela Rua Tenente Manoel Onofre que envolve outras vias, como a Avenida Guilherme George iniciada em 2017. A obra ficou parada por um ano por problemas ambientais. 

O primeiro trecho do Corredor Leste-Oeste foi a recuperação da Avenida Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar, entre as avenidas Cavalheiro Nami Jafet e Valentina de Mello Freire Borenstein, em uma extensão de 3.300 metros. As obras do Corredor Leste-Oeste compreendem 18 quilômetros desde a região central até a divisa com o município de Suzano.

Além da avenida Tenente Onofre, a Prefeitura de Mogi também duplicou a Avenida Guilherme George, entre os rios Taiaçupeba e Jundiaí. O projeto envolveu ainda uma rotatória próxima ao encontro da Avenida Tenente Onofre com a Avenida Cavalheiro Nami Jafet.

Prestes a ser entregue, a nova Avenida das Orquídeas terá 4.600 metros, nos dois sentidos, entre o rio Jundiaí e a rotatória próxima ao viaduto Professor Argeu Batalha, na via Perimetral.

Entre em nossos Grupos de WhatsApp e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *