Associação Comercial de Mogi se diz otimista com melhora nas vendas

CIDADE

A ACMC (Associação Comercial de Mogi das Cruzes) está otimista com relação à melhora nas vendas a partir deste quadrimestre. Os principais fatores associados a essa expectativa são a aproximação do Natal, a liberação dos saques do FGTS e o pagamento do 13º salário, assim como a entrada em vigor do Cadastro Positivo com maior facilidade para o crédito.

“Ainda existe muita insegurança dos consumidores, mas esse pacote de ações e benefícios vai colocar mais dinheiro em circulação e contribuir para um contexto mais favorável aos negócios”, afirmou Marco Zatsuga, presidente da ACMC.

A perspectiva de melhora também gera uma movimentação maior nos projetos de investimentos das empresas, disse a associação, que revelou ainda que, no comércio, a cidade vai ganhar pelo menos dois novos investimentos até o fim do ano: uma loja da Swift (alimentos) e uma filial da Miamor (departamentos), que serão inauguradas no Parque Monte Líbano e Centro, respectivamente.

Mogi das Cruzes também tem chances de receber novas fábricas da chinesa Huawei (fabricante de smartphones) e da multinacional Mahindra (fabricante de equipamentos), já que a Prefeitura se mostrou empenhada em recebê-las após as marcas manifestaram interesse em vir para o Brasil.

De acordo com a ACMC, Mogi é uma das cidades com melhor índice de desenvolvimento do Estado. “Mesmo com a crise, a cidade contabilizou um aumento de 5% nos negócios em 2018, com 2 mil novas empresas”, informou a associação.

Vote no Notícias de Mogi para o prêmio de Melhor Portal de Notícias do Alto Tietê


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *