ALTO TIETÊ

Alto Tietê recebe lote com segundas doses de Pfizer, Astrazeneca e Coronavac

As cidades do Alto Tietê recebem nesta quarta-feira (1) o 53º lote de imunizantes contra a Covid-19, segundo informações do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê).

A remessa conta com 68.941 doses de imunizantes AstraZeneca, Coronavac e Pfizer, destinados para segunda dose.

Na remessa a ser liberada aos municípios nesta quarta, o maior lote é de vacinas da Pfizer. São 25.946 doses, a serem utilizadas como segunda dose em gestantes, profissionais da educação de 18 a 44 anos e PCD.

Da CoronaVac são 22.580 doses de imunizantes, destinados para segunda dose nos públicos de 28-29 anos e 25-27 anos. Já de AstraZeneca são mais 20.415 doses, direcionadas para segunda dose no público BPC+Comorbidades de 18 a 24 anos, profissionais da Educação, comorbidades e aeroviários.

“A vacinação continua avançando e nosso maior apelo é justamente para que esse público de segunda dose faça o agendamento e compareça nas unidades de saúde para completar o ciclo de imunização”, afirmou Adriana Martins, coordenadora da Câmara Técnica de Saúde do Condemat.

Confira abaixo a distribuição das doses que serão recebidas nesta quarta:

Cidade2ª dose Astrazeneca – BPC + Comorbidades (18 a 29 anos) 2ª dose Astrazeneca – Educação + PCD + Comorbidades + Aeroviários 2ª dose Coronavac (28 e 29 anos) 2ª dose Coronavac (25 a 27 anos) 2ª dose Pfizer – Gestantes + Educação de 18 a 44 anos + PCD
Arujá7104152409901.476
Biritiba Mirim25016580320492
Ferraz de Vasconcelos1.6509005402.3602.574
Guararema23015580330498
Itaquaquecetuba3.2201.6101.0104.7306.080
Mogi das Cruzes3.4101.6009404.2406.078
Poá9104902401.3601.836
Salesópolis1305540190246
Santa Isabel440295120600990
Suzano2.3801.4006903.4805.676
Total13.3307.0853.98018.60025.946
Fonte: Condemat

Os locais, datas e horários do atendimento a este grupo serão divulgados em breve pelas secretarias municipais de saúde das respectivas cidades.

O pré-cadastro no site Vacina Já é recomendado para todos os públicos incluídos no calendário do PEI (Plano Estadual de Imunização) e que ainda não tomaram a primeira dose. O preenchimento antecipado não é obrigatório, mas facilita o trabalho dos profissionais de saúde e também reduz as chances de aglomeração nos pontos de aplicação das vacinas contra a Covid-19.

Essa notícia foi atualizada em 31 de agosto de 2021 19:55

Compartilhar

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais