Maioria dos consumidores usará FGTS para pagar contas, diz ACMC

CIDADE PRIORIDADE

A maioria dos consumidores que farão o saque imediato do FGTS utilizarão o dinheiro para pagar contas e regularizar as condições de crédito, diz uma pesquisa da Boa Vista, parceira do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) da ACMC (Associação Comercial de Mogi das Cruzes).

Segundo o levantamento, dos 56% de consumidores que utilizarão o dinheiro do FGTS para pagar as contas, sendo que 42% pagarão as que estão atrasadas e 14% as que estão em dia. Além do pagamento de dívidas, a pesquisa da Boa Vista identificou ainda que guardar o valor do FGTS será a opção de 14% dos consumidores que farão o saque. Outros 12% afirmam que pretendem usar o valor para fazer compras no varejo, 6% para fazer viagens e 12% usarão o valor para outros fins.

De acordo com a ACMC, a notícia de que grande parte dos consumidores pretende utilizar o FGTS para pagar dívidas gera expectativas positivas para o comércio, com a injeção de mais dinheiro na economia local. “Isso é muito positivo, pois o comércio vai recuperar parte do dinheiro parado. Além disso, ao regularizar a sua situação, o consumidor volta a ter condições de crédito e, consequentemente, de comprar”, afirma Silvio de Moraes, vice-presidente da ACMC e diretor do SCPC.

Silvio explica que o Balcão de Atendimento do SCPC/ACMC, em Mogi das Cruzes, disponibiliza informações aos consumidores sobre a condição de crédito. No caso dos inadimplentes, são fornecidos dados sobre os comércios com dívidas pendentes e os valores, assim como as orientações para regularizar os débitos. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8 às 18h, na rua Barão de Jaceguai, 674, no Centro de Mogi.

“As consultas são gratuitas e o consumidor recebe todas as orientações necessárias para regularizar suas dívidas de forma segura”, diz o dirigente.

A ACMC informou que a inadimplência em Mogi das Cruzes atinge cerca de 15 mil consumidores e a maior parte das dívidas tem o valor de até R$ 500, exatamente o teto liberado nos saques do FGTS.


Saque do FGTS

Os primeiros a receberem até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) tiveram os valores depositados na última sexta-feira (13).

Quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril recebe primeiro. Os próximos a ter acesso ao saque serão os nascidos em maio, junho, julho e agosto, no dia 27 deste mês. Em seguida, no dia 9 de outubro, recebem os nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro.

Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Os clientes do banco que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais divulgados pela Caixa: site, Internet Banking ou aplicativo no celular.

Para aqueles que não têm conta poupança na Caixa, aberta até o dia 24 de julho de 2019, o calendário começa no dia 18 de outubro, para os nascidos em janeiro, e vai até 6 de março de 2020, para os nascidos em dezembro.

Confira o calendário completo de saques do FGTS

Entre em nossos grupos de WhatsApp e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e Região


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *