PM detém quatro suspeitos de usar documentos falsos para sacar FGTS em Guararema

Na tarde de ontem (3), a Polícia Militar (PM/SP) prendeu quatro suspeitos de usar documentos falsos para realizarem saques de forma ilegal do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) em uma agência bancária em Guararema.

De acordo com a polícia, a prisão aconteceu quando a equipe realizava o patrulhamento na área central do município e foi informada pelo Copom (Centro de Operações da Polícia Militar) que dois indivíduos estavam no interior de uma agência bancária fazendo uso de documento falso.

Com base nas informações, os policiais militares foram até o local e encontraram os indivíduos, que acabaram confessando que faziam o uso do documento falso e tentavam realizar saques de FGTS.

As informações transmitidas pelo Copom davam conta, ainda, da participação de um veículo com outros dois indivíduos, flagrado pelo CSI (Centro de Segurança Integrada) através das câmeras de monitoramento da cidade, mas que já teria deixado o município.

Um trabalho em conjunto com a Polícia Militar Rodoviária resultou na abordagem do veículo na Avenida Jacu-Pêssego, zona leste da capital. Segundo a PM/SP, os dois ocupantes do carro, identificado como táxi, confessaram a participação na ação em Guararema.

Foto: PM/SP

Os quatro indivíduos foram conduzidos ao Distrito Policial de Guararema e permaneceram à disposição da Justiça.

Essa notícia foi atualizada em 5 de fevereiro de 2021 10:29

Compartilhar
Tudo sobre: GuararemaPM/SP

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais