Suzano inscreve para 20 vagas em curso gratuito de operador de produção

PUBLICIDADE

A Suzano está com inscrições abertas para o curso gratuito de Operador de Processo de Produção na unidade de Suzano (SP). As inscrições foram abertas na última segunda-feira (10) e visam selecionar os jovens que farão parte da 14ª turma do projeto Formare; iniciativa do Programa Voluntariar da Suzano em parceria com a Fundação Iochpe.

Os pré-requisitos para participar, são: ter entre 18 e 19 anos (completados até 31 de maio de 2020); renda familiar de até um salário mínimo por pessoa; Ensino Médio completo ou estar cursando o 2º ou 3º ano em escola pública; Fazer parte das comunidades do entorno das regiões contempladas; Ter disponibilidade no período das 8h às 16h, de segunda-feira a sexta-feira durante o período do curso, e não ser filho de colaborador da Suzano.

Os interessados podem se inscrever até o dia 10 de março, pelo site do programa. Os inscritos passarão por um processo seletivo composto por três etapas: prova (português, matemática e redação), dinâmica e visita domiciliar.

PUBLICIDADE

As aulas são ministradas por colaboradores voluntários da Suzano, capacitados pela Fundação Iochpe. “Nossos voluntários são gente que inspiram e transformam, compartilhando seus conhecimentos e experiência profissional para construção de uma sociedade melhor”, afirmou Elizabete Flores Pagliusi, coordenadora de Voluntariado e Projetos de Formação da Suzano. Ao todo, 550 colaboradores foram qualificados para o Formare.

O curso tem duração média de dez meses. Durante esse período, os jovens terão capacitação profissional com carga horária média de 1.200 horas (formação teórica e prática), atendimento ambulatorial, alimentação, transporte, uniforme e material escolar e seguro de vida.

PUBLICIDADE

Sobre o projeto

De acordo com a Suzano, o objetivo do projeto é capacitar jovens em situação de vulnerabilidade social e prepará-los para o mercado de trabalho. “O Formare é um projeto que reforça nosso compromisso de gerar e compartilhar valor, fortalecendo nossos direcionadores. Acreditamos que a educação é o principal instrumento de transformação social e oferecer oportunidade para jovens de nossas comunidades se capacitarem para o mercado de trabalho, incentivando a busca de uma formação pessoal e profissional é o principal legado obtido”, destacou Elizabete.

Desde que iniciado, o Formare já formou, somente na unidade de Suzano, 220 jovens e tem outros 20 finalizando a formação da 13ª turma.  Do total de formados, 147 estão inseridos no mercado de trabalho, o que corresponde a uma inclusão de 66%, e 72 (32%) trabalham nas unidades da região de Suzano. Além disso, 180 ex-alunos do projeto continuam estudando.

Joab da Silva Lourenço faz parte do time de ex-alunos que integra o quadro de colaboradores da empresa. Em 2014, ele participou da 9ª turma em Suzano. No ano seguinte, foi contratado como Operador de Treinamentos. “O Formare Aprendiz foi de suma importância para que eu pudesse me inserir no mercado de trabalho, conquistando meu primeiro emprego, e também para que tivesse uma base em minha carreira, pois o projeto nos ensina não só sobre a fabricação de papel, mas sobre diversos assuntos que podem ser aplicados nas nossas vidas, desde a profissional até a pessoal. Esse projeto ajuda ao jovem, principalmente de comunidades carentes, a se inserir no mercado de trabalho ao mesmo tempo que o capacita”, destacou Lourenço, que está cursando Direito.

Sobre a Suzano

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, é líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina. A companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas.

Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano.

A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável.

A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

+ Confira mais cursos gratuitos em Mogi das Cruzes e Região

Deixe um comentário
Compartilhar
Publicado por
Leandro Cesaroni
Tudo sobre: Cursos gratuitos

O portal Notícias de Mogi utiliza cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade

Leia mais