FGTS emergencial: calendário começa nesta segunda; veja quando você receberá

BRASIL

Terá início, nesta segunda-feira (29), o calendário de liberação do FGTS emergencial de até R$ 1.045, medida adotada pelo Governo Federal com o objetivo de conter os efeitos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus.

A princípio, será feito o crédito do dinheiro em poupanças digitais criadas automaticamente pela Caixa Econômica Federal, o que possibilitará os trabalhadores a pagarem contas, realizarem compras pelas internet e efetuarem pagamentos utilizando a tecnologia de QR Code.

Os depósitos serão realizados ao longo de 12 segundas-feiras, de acordo com o mês de nascimento. Neste primeiro dia de transferências, os recursos serão liberados a trabalhadores e trabalhadores nascidos no mês de janeiro. Veja abaixo o calendário completo.

Mês de aniversárioDia do depósito
Janeiro 29/06
Fevereiro 06/07
Março 13/07
Abril 20/07
Maio 27/07
Junho 03/08
Julho 10/08
Agosto 24/08
Setembro 31/08
Outubro 08/09
Novembro 14/09
Dezembro 21/09

Os saques aos sábados, em postos de autoatendimento da Caixa e em lotéricas, serão liberados a partir do dia 25 de julho, de forma escalonada e cerca de um mês após o depósito para a conta digital. A partir desta data, também será possível realizar transferências para outras contas da Caixa ou de outros bancos. Confira abaixo o calendário.

Mês de aniversárioDia da liberação
Janeiro 25/07
Fevereiro 08/08
Março 22/08
Abril 05/09
Maio 19/09
Junho 03/10
Julho 17/10
Agosto 17/10
Setembro 31/10
Outubro 31/10
Novembro 14/11
Dezembro 14/11

Quem tem direito ao FGTS emergencial?

Todos com saldo de FGTS têm direito ao benefício, no entanto, se a pessoa tiver menos que R$ 1.045 de saldo, poderá apenas retirar o que estiver na sua conta. Saiba como consultar o valor disponível para retirada e a data do pagamento.

Quem não desejar receber o recurso deve notificar este desejo por meio do app do FGTS, até 10 dias antes do crédito. De acordo com a Caixa, se o correntista não fizer nada e não mexer no dinheiro, ele será devolvido à conta do FGTS após o fim de novembro.

A estimativa da Caixa Econômica Federal é que 60 milhões de pessoas tenham direito ao saque do FGTS emergencial, sendo que muitas não possuem conta em nenhum banco. No total, serão transferidos cerca de R$ 37,8 bilhões.

Entre em nossos Grupos de WhatsApp ou em nosso Canal no Telegram e fique por dentro de tudo o que acontece em Mogi das Cruzes e região